Advertise here

Biblioteca Pinacoteca Accademia Ambrosiana


  - 1 opiniões

Abrigo do conhecimento

Publicado por Amanda Krelling — há 5 anos

Um dos pontos turísticos (principalmente como fonte de cultura) de Milão é a Biblioteca Pinacoteca Accademia Ambrosiana, cujo nome vem de Ambrósio, o santo padroeiro da cidade.

Esta biblioteca possui nada menos do que 400 anos de idade e abriga obras de incrível valor histórico, como o Codex Atlanticus, de Leonardo Da Vinci.

Logo ao chegar no local já é possível visualizar, através de uma tela touch screen, o importantíssimo Codex de Leonardo. Apenas nessa parte fiquei vários e vários minutos folheando o material que, de alguma forma, demonstra o tamanho da capacidade mental de Da Vinci.

Curiosidade – Codex Atlanticus:

O Codex Atlanticus, escrito por Leonardo Da Vinci, é uma coleção de documentos com 1119 páginas, produzidas entre os anos de 1478 e 1519. Estes registros demonstram a abrangência da mente de Leonardo, que aborda os mais diversos assuntos, como astronomia, botânica, engenharia, anatomia, mecânica, estudos sobre o vôo e projetos arquitetônicos. O nome do códice foi dado devido ao tamanho das páginas utilizadas, que parecem com as de um atlas. Através desses registros é possível observar a influência que o escritor exercia na época e também a sua capacidade de enxergar muito além do seu tempo.

Depois de passado o meu tempo de “encontro com a mente de Da Vinci”, veio o momento total FAIL. Explicarei a situação para que, quem sabe, isso ajude alguém a ir mais preparado do que eu.

Acontece que eu não sabia que era preciso pagar para entrar na Pinacoteca. Ok, isso não é lá grande problema, até porque encontrar onde Não tem que pagar é muito mais raro. Porém, eu gostaria também de visitar a biblioteca! Fui até o senhor que libera a entrada das pessoas e ele pergunta: você quer visitar ou estudar? Eu queria visitar, é claro! Daí veio a resposta: se você for estudar (estiver com um LIVRO e tal.. ) pode entrar sem pagar, caso contrário a entrada é cobrada. Resultado: fui embora sem nem passar do corredor principal. Com certeza pretendo voltar lá, pagar pela Pinacoteca e levar um livro para estudar em uma das bibliotecas públicas mais antigas da Europa – nada mal, mas ficou pra próxima!

[Esse post terá continuação!]

Galeria de fotos



Content available in other languages

Dá a tua opinião sobre este lugar!

Conheces Biblioteca Pinacoteca Accademia Ambrosiana? Partilha a tua opinião sobre este lugar.


Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!