degree_image

Ciências do Desporto

FADEUP - Faculdade de Desporto da Universidade do Porto (FADEUP)

  • Location Porto, Portugal
  • Degree Type Bachelor
  • Start Date Request info
  • Duration 3 years
  • Application Deadline Request info
  • Language Português
  • Attendance On Campus
  • Dedication Full-time
  • Pace Instructor-paced
  • Tuition fees 697 €

Program description

Bem-vindo/a à FADEUP!

A FADEUP - Faculdade de Desporto da Universidade do Porto, localiza-se no Polo III da U. Porto (Polo da Asprela). Oferece uma formação sólida, acompanhando as necessidades da sociedade atual, e procura formar profissionais capazes e altamente qualificados nas várias áreas da formação e intervenção desportivas.

Esta instituição tem a sua génese em outras instituições de formação em Educação Física e Desporto, que a precederam. Em 1964 iniciou-se o funcionamento de um curso de Instrutores de Educação Física que constituiu o núcleo da Escola de Instrutores de Educação Física do Porto, criada em 1969. Estas primeiras iniciativas na formação situaram-se ao nível do ensino médio.

O ano de 1975 assinala a passagem da formação em Educação Física para o ensino universitário, nascendo o Instituto Superior de Educação Física, integrado na Universidade do Porto (ISEF-UP), o qual inicia o seu funcionamento em 1 de julho de 1976.

Em 1989 o ISEF-UP passa a designar-se Faculdade de Ciências do Desporto e de Educação Física da Universidade do Porto (FCDEF-UP) e em 2005, com a revisão dos Estatutos da Universidade do Porto, é adotada a atual designação de FADEUP.

A FADEUP aborda o Desporto na sua pluralidade de sentidos e formas, oferecendo aos seus estudantes uma oferta formativa diversificada, de grande qualidade e rigor. Esta orientação, aliada à forte aposta na investigação, credita à FADEUP um elevado estatuto de consideração, a nível nacional e internacional.

De acordo com os seus estatutos (D. R., 2. ª série — N. º 3 — 6 de Janeiro de 2010).

A FADEUP tem como missão o ensino, a formação, o estudo e a investigação no domínio do desporto, entendido este como objeto plural e diversificado, ou seja, como fenómeno polissémico e manifestação polimórfica, bem como em atividades afins e correlatas, voltadas para a exercitação, a recreação, a reeducação e reabilitação, o desenvolvimento e aperfeiçoamento, a performance e transcendência da condição humana.

1º Ciclo em Ciências do Desporto (Conducente ao Grau de Licenciado/a)

É composto por 6 semestres com um total de 180 ECTS. Apresenta 4 Ramos de especialização:

  • Desporto e Populações Especiais
  • Exercício e Saúde
  • Gestão Desportiva
  • Treino Desportivo (opção por um dos seguintes desportos: andebol, atletismo, basquetebol, futebol, ginástica, natação e voleibol).

Os dois primeiros anos do curso compõem-se de unidades curriculares (UCs) de natureza mais teórica ou teórico-prática, e de outras UCs de natureza mais prática, sem ignorar todavia a fundamentação teórica dos fundamentos lecionados. No primeiro caso, existem no 1º ano as UCs de Bioquímica e Biologia Celular, História do Desporto, Pedagogia do Desporto, Anatomia Funcional, Estatística, Fisiologia Geral, Psicologia do Desenvolvimento e Gestão das Organizações Desportivas e no 2º ano as UCs de Desporto e Populações Especiais, Teoria e Metodologia do Treino Desportivo, Desenvolvimento Motor, Fisiologia do Exercício I e II e Introdução ao Pensamento Contemporâneo. No segundo caso, UCs de natureza mais prática, no 1º ano surgem os Estudos Práticos I e II (Atletismo, Basquetebol, Ginástica e Natação) e no 2º ano os Estudos Práticos III e IV (Andebol, Futebol e Voleibol).

A partir do 2º semestre do 2º ano, os estudantes optam por um dos quatro Ramos existentes (Desporto de Rendimento, Exercício e Saúde, Desporto e Populações Especiais e Gestão Desportiva), sendo cada Ramo constituído pelas UCs específicas de Metodologia I (2º semestre do 2º ano), Metodologia II e Metodologia III (1º semestre do 3º ano e 2º semestre do 3º ano, respetivamente).

Em concomitância com as UCs da Metodologia escolhida, existem no 3º ano UCs comuns aos estudantes de todos os Ramos, como sejam Aprendizagem Motora, Metabolismo e Nutrição, Antropologia do Desporto, Psicologia do Desporto, Educação para a Saúde, Reeducação Funcional e Biomecânica.

Existem ainda UCs Optativas: duas no 1º semestre (Optativa 2 e Optativa 4) e duas no 2º semestre (Optativa 1 e Optativa 3). O leque das UCs Optativas é proposto anualmente pela Comissão Científica do curso. Estas UCs não podem ser escolhidas no 1º semestre pelos estudantes do 1º ano e no 2º semestre pelos estudantes do 3º ano.

Objetivos

Promover o entendimento do Desporto como objeto plural e diversificado, consubstanciado em atividades direcionadas para a excelência desportiva, a saúde, a recreação, a reeducação e reabilitação, o desenvolvimento e aperfeiçoamento, a performance e transcendência da condição humana;

Oferecer uma formação de excelência, avivando a relação íntima entre o ensino e a investigação e visando um modelo interativo e integrativo;

Proporcionar uma formação consistente ao nível dos métodos e das técnicas de investigação e de intervenção social.

Contribuir para a formação ética, estética e humanista.

Saídas Profissionais

O curso de Desporto da FADEUP tem um conjunto vasto de saídas profissionais em contextos de intervenção diversos. São exemplo:

1. Domínio Escolar

Acesso ao 2º ciclo em Ensino de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário, que qualifica para a lecionação das disciplinas de Educação Física e outras afins, no sistema educativo público e privado, em diferentes níveis de ensino.

2. Domínio Desportivo

2.1. Treinadores - Reconhecimento da formação:

  • Ramo de Especialização “Treino Desportivo”
  • Andebol, Basquetebol, Voleibol, Atletismo, Ginástica Natação Pura, Natação Sincronizada, Pólo Aquático: Reconhecimento total da formação para treinador de Grau I e II.
  • Futebol: Reconhecimento total da formação para treinador de Grau I e reconhecimento parcial da formação para treinador de Grau II (estágio profissional em falta).
  • Ramos de Especialização "Desporto e Populações Especiais", "Exercício e Saúde" e " Gestão Desportiva"
  • Ginástica, Natação Pura e Voleibol: Reconhecimento da componente de formação geral e componente de formação específica (em falta o estágio profissional) para treinador de Grau I.
  • Ginástica, Natação Pura e Voleibol: Reconhecimento da componente de formação geral (em falta componente de formação específica e estágio profissional) para treinador de Grau II.
  • Futebol: Reconhecimento da componente de formação geral (em falta componente de formação específica e estágio profissional) para treinador de Grau I.
  • Futebol: reconhecimento da componente de formação geral (em falta componente de formação específica e estágio profissional) para treinador de Grau II.

3. Exercício e Saúde

Qualificação profissional para intervenção em contextos de atividade física, lazer, recreação e bem-estar das populações em geral (seja ao ar livre seja em ginásios, academias ou clubes de saúde).

Participação em projetos de aconselhamento de estilos de vida ativos e saudáveis.

4. Desporto e Populações Especiais

Trabalho com populações com necessidades educativas especiais, numa perspetiva de atividade física, recreação ou desporto adaptado.

Participação no desenvolvimento de políticas sociais, nomeadamente em projetos impulsionadores da inclusão das populações com necessidades educativas especiais.

5. Gestão Desportiva

No mercado de trabalho existem funções no domínio da Gestão do Desporto que podem passar por qualificações de: Gestor, Diretor, Consultor, Administrador, Assessor, Auditor, Docente, Investigador, Empresário, Técnico Superior do Desporto, em diversas instituições, tais como:

  • Comités Olímpicos e Paralímpicos, Confederações, Federações Desportivas, Clubes Desportivos e demais Organizações do Movimento Associativo
  • Organizações não-governamentais (ONG);
  • Entidades da Administração Pública Central, Regional ou Local;
  • Empresas Públicas;
  • Ginásios / Health Clubs;
  • Empresas de Serviços Desportivos (de eventos, de lazer e turismo desportivo, de desportos de aventura e atividades radicais, entre outras);
  • Empresas de produtos desportivos;
  • Empresas de assessoria na área do desporto;
  • Entidades da Comunicação Social.

Regimes de Acesso ao 1º Ciclo da FADEUP em 2015/2016

  • Regime Geral (2015/2016
  • Numerus Clausus: 132 vagas
  • Nota de candidatura do último candidato do contingente geral: 1ª fase: 139,5 / 2ª fase: 150
  • Regimes Especiais*
  • Maiores de 23 anos: 12 vagas
  • Reingresso: Não está sujeito a limitações quantitativas.
  • Transferência - 1ºano curricular: 2 vagas Restantes anos curriculares: 10 vagas
  • Mudança de Curso - 1ºano curricular: 10 vagas
  • Estudante Internacional: 5 vagas

*As condições específicas de acesso a estes regimes são publicadas anualmente no Sistema de Informação (SIGARRA) da Faculdade.

  • Provas de Ingresso: 12º ano de escolaridade ou equivalente.
  • Prova de Ingresso: Biologia e Geologia (02) ou Matemática (16) ou Português (18)
  • Pré-Requisitos: Provas de Aptidão Funcional, Física e Desportiva

O que são os Pré-Requisitos?

Os pré-requisitos são condições de natureza física, funcional ou vocacional que assumem particular relevância para acesso a determinados cursos do ensino superior.

Compete a cada instituição de ensino superior decidir se a candidatura a algum dos seus cursos deverá estar sujeita à satisfação de pré-requisitos e fixar o seu conteúdo.

Os pré-requisitos podem, consoante a sua natureza, ser eliminatórios, destinar-se à seleção e seriação ou apenas à seriação dos candidatos.

Exemplo: A candidatura a alguns cursos na área de Educação Física/Desporto está sujeita à satisfação de pré-requisitos. Um estudante que não comprove a satisfação dos pré-requisitos não pode candidatar-se a esse curso.

Para saber mais sobre os pré-requisitos, por favor consulte a FADEUP: www.fade.up.pt

Pré-requisitos na FADEUP: Grupo C (Aptidão funcional, física e desportiva).


  • Verified Bachelor
  • Places available!
Bachelor ‣ FADEUP

Don’t have an account? Sign up.

Wait a moment, please

Run hamsters! Run!