Advertise here

Experiência Erasmus em Nápoles, Itália de Lucía

Traduzido por Ana Ferraz — há 3 anos

Texto original por Lu S

0 Etiquetas: Experiências Erasmus Napoli, Napoli, Itália


Experiência Erasmus em Nápoles, Itália de Lucía

Porque escolheste ir para Nápoles, em Itália?

Pude escolher entre Parma e Nápoles, decidi Nápoles para poder estar com uma amiga durante Erasmus já que gostava das duas opções.

Qual era a duração da bolsa? Quanto dinheiro recebias?

A minha bolsa tinha uma duração de 9 meses e recebia 1500 euros (depois de pagar as propinas na minha Universidade de Espanha, que no meu caso seriam 1000, sobrando apenas uma pequena parte do dinheiro da bolsa, sendo tu mesma que tens de acartar com os custos de Erasmus).

Como é a vida académica em Nápoles?

Em Nápoles vivem quase um milhão de pessoas, assim há uma vida académica intensa.

A cidade, pelas manhãs, está cheia de estudantes e também muitos alunos de Erasmus. Existem várias Universidades espalhadas por toda a cidade. Nápoles muda muito durante o dia, está cheia de vida.

Experiência Erasmus em Nápoles, Itália de Lucía

Recomendarias a cidade e a Universidade de Nápoles a outros estudantes?

A minha Universidade é a Suor Orsola Benincasa, é uma Universidade privada e é muito bonita, o único problema é que não se encontra no Centro Histórico de Nápoles como a maioria das Universidades.

Está situada em Corso Vittorio Emanuele e a melhor forma de chegar é a pé ou no funicular (custa 1 euro ida e 1 euro volta, o passe compra-se nos quiosques mais perto ao funicular), se se opta pelo funicular demora-se 20 minutos andando desde o Centro Histórico até ao mesmo (Via Toledo), saindo na paragem a uns metros da Universidade (é a primeira paragem desde Via Toledo e demora 5 minutos, o funicular é muito pontual, as portas abrem 5 minutos antes de sair e fecham até que o seguinte chegue, passamde 10 em 10 minutos).

Recomendo que as pessoas que vão para a minha Universidade vivam no Centro Histórico o ao redor deste, embora a universidade fique mais longe do que se vivessem em Chiaia, Vomero ou Corso Vittorio Emanuele (as zonas que se encontram mais perto da Universidade) porque à noite não há transportes públicos e tens de voltar a casa a pé para essas zonas. É preferível andar durante a manhã para ir para a Universidade que andar durante a noite para voltar a casa.

Como é a comida do país?

Experiência Erasmus em Nápoles, Itália de Lucía

Se gostas de pasta e de pizza é o paraíso, as ruas estão cheias de lojas onde vendem comida barata mas não de muita qualidade, mas é possível comer por dois 2 euros.

Na Via Tribunalli (Centro Histórico) há dois sítios para comer muito populares, "Di Mateo" onde sempre há fila para comprar as suas famosas "fritatinas" por 1 euro e "Sorbillo" onde fazem pizzas deliciosas desde 3 euros (consejo:há sempre fila para poder comer no local, mas se entras e pedes para levar tens a pizza pronta em 5 minutos).

O problema de Nápoles é que não ter supermercados de marcas grandes (só vi ualguns Carrefour Express e eram os mais caros), por isso o normal é o comercio de pequenas dimensões onde tudo é mais caro e os produtos no costumam ter grande qualidade e onde te esqueces de comprar certos alimentos ou bebidas porque só existem em certos locais da cidade.

A massa é baratissima, desde 30 cent por 500 g, mas tudo o resto é mais caro que em Espanha.

O meu conselho é que se compre a maioria dos produtos básicos no supermercado "MD", um dos mais económico, mas também o de pior qualidade (ouve-se reggaeton enquanto escolhes os produtos). A carne (ao quilo) num talho, e o peixe numa peixaria (cuidado ao comprar peixe no mercado que está perto de Garibaldi, lá não há algum tipo de controlo e não é fresco) a não ser que seja congelado, mas nesse caso também o podes comprar no "MD". Os vegetais e a fruta compra-se numa frutaria de bairro. Se mesmo assim tens algum tipo de produto que não consegues encontrar num destes sitios podes sempre tentar um Carrefour Express ou Conad, mas estes são mais caros, embora por vezes tenham ofertas (por exemplo o queijo no Carrefour) que merecem a pena. Vais acabar por comprar as tuas coisas em diferentes locais.

Foi difícil encontrar casa em Nápoles?

Experiência Erasmus em Nápoles, Itália de Lucía

O meu problema foi ir para Nápoles no final de Setembro (as aulas começavam em Outubro) por isso a maioria dos Erasmus já tinham encontrado casa.

Aconselho a procurarem casa quando cheguem a Nápoles, não podes fiar-te das coisas que encontras em internet, porque depois o apartamento não se encontra na localização onde supostamente ficaria ou o chuveiro, o forno, etc. não funcionam.

Eu encontrei a minha casa uma semana depois de chegar (durante a primeira semana estive hospedada no hostel "Pizza Hostel" onde as pessoas são muito simpáticas, ajudaram-se a procurar casa, falando em italiano com as pessoas quando era necessário telefonar), mas isso sim, foi a pior semana de mi vida, desde as 9 da manhã até às 8 da tarde sem parar, telefonando para os números de anúncios que encontrava na internet, percorrendo as ruas de Nápoles e telefonando aos números de anúncio que estavam nas ruas, nas universidades... (telefonei a mais de 100 números e todos estavam completos ou não me interessavam pela zona onde estavam ou pelo estado dos mesmos), se procuras um quarto para dividir com outra pessoa é fácil, se procuras um individual é mais difícil.

O problema de Nápoles é que é una cidade muito grande, mas as zonas boas para viver estão muito limitadas, se vais com tempo e tens paciência encontras algo que te agrada.

Quanto custa viver em Nápoles?

Os valores de renda costumam rondar os 200 euros por perssoa (quarto individual), se divides quarto podes encontrar rendas mais baratas (com tempo), mas podes é possível gastar 300 euros por pessoa na renda. Os gastos que tens com a comida (são bastante elevados se não souberes onde comprar), a factura da luz e da água é muito mais barata (podes gastar em dois meses 20 euros de agua e 40 de luz).

Sair é barato (1-3 euros uma cerveja, três copas por 5 euros... ).

Os tarifários de redes móveis podem ser de 12 euros por mês (aconselho Vodafone, toda a gente te dirá Wind mas tens uma cobertura péssima).

Existem muitas viagens organizadas ou truques para viajar (2x1 aos sábados em Trenitalia).

Por isso com 600 euros ao mês podes viver perfeitamente bem.

Como te deste com o idioma? Frequentaste lgum curso na Universidade?

O italiano entende-se bastante bem e não é tão dificil de aprender, mas tens de conviver com italianos, não com erasmus espanhóis porque assim não o vais conseguir e cuidado porque todos os italianos querem falar espanhol quando te ouvem, obriga-os a falar contigo em italiano o tentaram fazer o contrário.

Há um curso na universidade antes de começarem as aulas, mas não merece a pena frequentá-lo, o curso que deves fazer é o que te enviam os de relaciones internacionais de tu própria cidade para fazer durante a tua estadia. Este é bastante completo e podes dedicar o tempo que queiras já que é online.

Experiência Erasmus em Nápoles, Itália de Lucía

Qual é a forma mais económica de chegar a Nápoles desde tu cidade?

A forma mais económica é Madrid-Roma (avião), Roma-Nápoles (comboio), podes conseguir ida e volta por 40 euros ou até menos (tens que comprar os bilhetes com antecedência). O comboio de alta velocidade custa 21 euros (chegas a Nápoles desde Roma numa 1 hora) o o de 9 euros (chegas em 2 horas).

No entanto, se consegues é muito mais cómodo viajar directo de Madrid até Nápoles.

Aconselho a que, na primeira vez, se faça um voo directo.

Que sítios recomendarias para sair à noite em Nápoles?

As organizações de erasmus (erasmusland, erasmuspoint... ) organizam muitas festas (pessoalmente não gosto muito) e todas costumam ser no Centro Histórico.

Podes beber shots em Greenwich ( aí são típicos os de ron e pêra), ires a algumas das praças e comprar cerveja em lojas por perto ou desfrutar de uma jam session em Keste (perto de Mezzocannone) ou uma boa festa nos arrededores de Nápoles (mas para isso precisas coche), como por exemplo no Hipodromo.

Só tens que perder-te pelo Centro Histórico e encontrar o ambiente que mais te agrada.

Eu não suporto o reggaeton (aí ouve-se bastante), mas se queres copas podes ir ao Krella (3 copas por 5 euros, cerveja Tennent´s (9 graus) por 1, 50 euros... ) e bebe-las fora.

Experiência Erasmus em Nápoles, Itália de Lucía

E para comer em Nápoles? Podes dizer alguns dos teus locais favoritos?

Sorbillo!

E o que deves ver em Nápoles num circuito cultural?

Nápoles tem locais muito bonitos e bastante turísticos que podes encontrar pela internet, mas a melhor vista de Nápoles sem duvida é desde o Ferry (podes ir ás distintas ilhas em ferry desde 10 euros, a todas as horas) e é uma viajem muito agradável com vistas espectaculares.

Experiência Erasmus em Nápoles, Itália de Lucía

Tens algum conselho que queiras dar aos futuros estudantes de Nápoles?

As melhores zonas para viver são Corso Umberto, Via Mezzocannone, Via Nilo, Piazza del Gesu, Piazza Dante, Via Duomo ou Via Toledo. Chiaia é uma zona muito boa, mas quase tudo fica longe e é bastante cara.

Vão sempre dizer-te que Nápoles é uma cidade muito perigosa e que tens de ter muito cuidado, eu só digo que desfrutes da cidade mas estando sempre consciente de onde estás, só há que passar um pouco despercebido e ter um pouco de cabeça, tens que saber por onde podes ir e por onde não, a que horas podes ir a certos sítios e a que horas não, não sei, só tens que ter um pouco de senso comum.

Os napolitanos são muito peculiares e oferecem todo o que tenham para fazer-te sentir-te bem, só tens que desfrutar do que Nápoles tem para oferecer e crescerás como pessoa, aí a vida é mais dura que noutras cidades de Itália mas isso ajuda-te a evoluir em distintos sentidos e as pessoas são encantadoras.

Não te assuste ao ver a três pessoas numa moto (sem capacete), a sete num carro sem sinto de segurança (é mal visto pores), a passar a passadeira no vermelho, a baixarem coisas das varandas num cesto com uma corda, a ver lixo por todos os lados, a regatear os preços, a que te façam contratos de aluguer em negro, que a esfregona seja um pau com um trapo, que no haja microondas, que no haja gelo, que tenhas que falar com o senhorio e que ele só fale napolitano...

É uma autentica loucura e uma experiência encantadora que te faz crescer como pessoa, porque és confrontado com tudo isto sozinha.

É uma cidade caótica mas com muito encanto, já sabes o que dizem: "Que aquele que se vá a esta cidade chora duas vezes, uma quando chega e outra quando se vai" e está correto, a primeira noite foi horrivel, mas no dia seguinte vês como tudo é diferente.

Experiência Erasmus em Nápoles, Itália de Lucía


Galeria de fotos



Partilha a tua Experiência Erasmus em Napoli!

Se conheces Napoli como nativo, viajante ou como estudante de um programa de mobilidade... sobre Napoli! Avalia as diferentes características e partilha a tua experiência.

Comentários (0 comentários)



Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!