Advertise here

Liubliana


  - 1 opiniões

Cidade com o seu charme especial

Traduzido por Margarida Esteves — há 6 meses

Texto original por Ana Gorše

Deves estar a perguntar-te: porque é que eu gastaria o meu dinheiro e tempo a viajar para Liubliana quando tenho tantas outras cidades renascentistas em Itália e praias de areia na Croácia, os países vizinhos? De facto, esses sítios são ótimos, mas também Liubliana o é na sua maneira especial. Eu vou tentar mostrar-te porque é que a maioria dos turistas que vêm cá ficam tão espantados com ela.

Velho centro da cidade

O que a maior parte dos turistas visitam quando vêm a Liubliana é o centro da cidade. Está localizado numa pequena área nas duas margens do rio Liublianica que pode ser usado para ver a cidade ao andar numa viagem de barco. Há muitas lojas de cafés e bares nos dois lados, sempre cheios de pessoas a ir lá para trocar as últimas notícias. O centro também tem muitos velhos edifícios de cores diferentes, pequenos balcões preenchidos com flores, vários bancos e fontes que podes usar para te hidratares. No geral, é, de facto, uma cidade muito turística e amigável. É melhor visitar durante os meses de primavera e verão ou durante a época de Natal quando tiveres oportunidade de ver as luzes, as árvores decoradas, bancadas e muitos sítios a oferecer vinho quente.

A praça de Prešeren é a praça central com a igreja cor de rosa e um sítio com o seu próprio clima durante o verão (quer dizer que há pequenas gotas de água que caem de cima para te refrescar durante o verão). Podes passá-la usando uma das pontes chamada A Ponte Tripla, feitas pelo arquiteto mais famoso da Eslovénia, Jože Plečnik.

Se fores para a direita da praça vais chegar à praça Kongres e a caminho de lá podes parar em Zvezda, a melhor loja de sobremesas da cidade. Perto está a NUK, a Biblioteca Nacional com escadas bem decoradas. E se fores para a esquerda desde a praça de Prešeren, vais chegar ao Mercado Grossista o que é especialmente convidativo no verão pois há a Cozinha Aberta (''odprta kuhna’') onde podes experimentar comida dos diferentes restaurantes à volta da cidade. Há duas pontes conhecidas nessa direção: A Ponte Butcher, onde os casais trancam o seu amor com cadeados, e a Ponte do Dragão.

O arranha-céus costumava ser o edifício mais alto de Liubliana. Esta localizado na Slovenska cesta (rua). O elevador leva-te a um balcão no topo com um bar e um restaurante, ambos bastante caros, mas valem a pena a visita nos dias de sol pois oferecem uma ótima vista do centro.

city-special-charm-92036fa55a1cbc8faf9bc

As margens do rio

Fonte

O castelo

O poderoso castelo de Liubliana está em cima mesmo ao pé do centro da cidade. Está na colina e está rodeado por uma pequena floresta. Há várias maneiras de o alcançar: podes ir de carro pela rua principal, mas é mais apropriado para os turistas simplesmente ir por um dos pequenos caminhos à volta do castelo que os levam até lá. Um deles começa em Vodnikov trg e está marcado num sinal. Também podes usar o funicular. O castelo vai-te oferecer uma vista fantástica da cidade onde podes ver ainda melhor se subires até à torre. A entrada para o jardim e as paredes do castelo é grátis. Só pagas para ver as exposições e a torre se quiseres.

city-special-charm-6259269de669567d2cf1c

Castelo de Liubliana.

Fonte

A verde Liubliana

O ano passado, Liubliana foi coroada como a Capital Verde Europeia, e há uma razão justa para isso. Vais encontrar árvores e plantas no centro da cidade, se subires ao castelo e em qualquer lado do parque mais largo da cidade chamado Tivoli. Não confundam com o parque de diversões de Copenhaga com o mesmo nome. Mas mesmo que não tenha montanhas russas, é um ótimo sítio para relaxar. Também tem uma atmosfera viva como há tantas pessoas a ir lá para lazer ou para socializar ao sentarem-se num café, bancos ou (porque não) na relva.

Expande-se até à colina Šišenski e outras com uma igreja cor de rosa localizada numa delas, Rožnik, de onde consegues ter uma vista fantástica da cidade e do castelo em cima. Para além das árvores e muitos corredores, também podes encontrar uma pequena rampa de esqui em que podes subir. Ao andar o suficiente vais chegar a Koseze, um lago popular entre as pessoas que vivem em Liubliana para passarem um pouco de tempo na natureza. E se estiveres muito cansado para voltar para trás, podes simplesmente apanhar o autocarro para o centro de lá.

city-special-charm-ed81f554e7dfd90c463ab

Lago Koseze.

Fonte

Museus e galerias

Se estiveres interessado em arte, Liubliana não te vai deixar indiferente. Há muitas exposições contemporâneas no centro da cidade que podes visitar de graça. É uma boa forma de explorar uma cultura sem ter de pagar por ela. Para coleções mais largas podes parar num dos maiores museus a caminho da Slovenska cesta até ao parque Tivoli. Lá há a Galeria Nacional como a mais conhecida com coleções de pintores eslovenos famosos. Do outro lado encontras o Museu de Arte Moderna que tem peças de arte mais recentes desde o século 20 e 21. Também há muitos outros que podes escolher dependendo das tuas preferências, como: o Museu Geográfico, Museu das Artes Gráficas, Museu Ferroviário e o Museu Etnográfico Esloveno.

Também há uma parte de Liubliana que tem a sua vibração especial, chamada Metelkova. É um sítio alternativo decorado com graffiti muito perto da estação de autocarros e de comboios. Também é um sítio em que podes encontrar vários artistas, bares e um hostel que antigamente era uma prisão.

city-special-charm-b5a723a26ad621d480d38

Metelkova.

Fonte

Adição: Erasmus em Liubliana

Eu tenho estado em Erasmus em Madrid e não há mesmo sítio como lá, mas tanto como os Eslovenos gostam de escolher Espanha para Erasmus, os estudantes espanhóis gostam de Liubliana. Para além das razões acima, há muitas outras razões.

A maior parte dos estudantes que escolhem viver num dormitório de estudantes com duas pessoas num quarto. É barato e podes conhecer muitos outros estudantes de todos os lados do mundo. Também há muitas festas.

Os estudantes têm o privilégio de comer por menos. Há uma coisa chamada cupões de refeições de estudantes e funciona por ligar a um número específico no teu telemóvel em alguns sítios com comida (podes encontrá-los na página: studentska-prehrana. si). Ao fazeres isso podes comer pagando só 3-4€ por uma refeição inteira e em alguns sítios como a Faculdade de Psicologia até podes comer tortilha ou pizza grátis. Lembra-te que tens de ir ao gabinete de estudantes primeiro para usufruíres disto.

Também, há muitas outras opções para ir de um sítio para outro. Há uma rede de autocarros que anda à volta de Liubliana e normalmente há um em cada 10-15 minutos (dependendo da linha e da hora). Um cartão mensal vai-te custar 20€, mas também podes escolher pagar para os bilhetes individuais. Também podes fazer isso ao comprar os cartões urbana ou ligar a um número na máquina dentro do autocarro. Um bilhete de ida custa 1, 20€. Podes verificar mais na página: lpp. si.

Mais uma vez, tu podes andar de bicicleta como é uma cidade muito cómoda para fazeres só isso. Tem é a certeza que trancas a tua bicicleta sempre que a estacionares em algum lado ou podes acabar sem ela. Também há um sistema público de bicicletas, mas não é muito fiável pois certos pontos de bicicletas às vezes ficam sem bicicletas. E como é uma cidade pequena, podes simplesmente andar a pé.

Liubliana é perto de muitos outros sítios interessantes por isso há muitas opções para fazeres dias/fins de semana de excursões. Por exemplo, podes visitar Bled, Piran, Veneza, Zagreb, Crikvenica, Viena sem grandes problemas em encontrar uma linha de transporte que te leve lá.

Galeria de fotos



Content available in other languages

Dá a tua opinião sobre este lugar!

Conheces Liubliana? Partilha a tua opinião sobre este lugar.

Dá a tua opinião sobre este lugar!


Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!