Experiência Erasmus em Bratislava, Eslováquia por Nerlisa


Porque é que escolhes-te a cidade de Bratislava, na Eslováquia?

Eu apaixonei pela Eslováquia à uns anos atrás numa viagem que eu fiz. Depois de ler sobre as experiências de Erasmus de alguns dos meus colegas, pareceu-me o meu tipo de cidade.

Experiência Erasmus em Bratislava, Eslováquia por Nerlisa!

Fonte

Qual é a duração da tua Bolsa de Erasmus? E qual é a quantia que irás receber para ajudar com as despesas?

Eu recebi uma Bolsa por todos os meses em que eu estive aqui, que foram 6 meses no total. Essa quantia que eu recebi é uma enorme ajuda e dá para quase tudo, desde a renda às coisas básicas do dia a dia (não estou a incluir concertos e viagens).

Como é que é a vida académica em Bratislava?

Eu vivo num apartamento, não numa residência, por isso a minha experiência é um pouco diferente daqueles que vivem em Družba, mas mesmo assim eu adoro. Tenho o meu próprio quarto e vivo bastante perto do centro da cidade (Stare Mesto).

Existem imensos descontos para estudantes para usar em eventos e serviços (com o cartão ISIC podes obter muitos mais descontos, desde Gelado Iogurte Frozy, livros, concertos na Filarmónica da Eslováquia e Ballet/Ópera/Drama que decorre no Teatro Nacional).

A vida à noite é vivida de forma calma. Eles têm diferentes sítios (Majestic Music Club, Randal Club). Eu não sei muito sobre discotecas, apesar de saber que existem bastante na cidade, se esse for o estilo de ir sair à noite que gostas.

Em dezembro eles têm o Mercado Natalício com imensos sítios para ir e visitar. Apesar de tudo, ser um estudante em Bratislava é bom, e também os pontos turísticos têm imensos descontos para os estudantes. Mas tem em mente que o Inglês não é muito falado aqui (nem nas lojas). Na faculdade os professores são simpáticos e sempre dispostos a ajudarem-te.

Experiência Erasmus em Bratislava, Eslováquia por Nerlisa!

Fonte

Recomendarias a cidade e a Universidade de Bratislava a outros estudantes?

Recomendo se gostarem das típicas cidades antigas da Europa. Bratislava é conhecida como a Pequena Grande Cidade. É pequena, mas também não é minúscula. Para mim é perfeita assim, dá para conhecer bem a cidade, e sem ter aquele sentimento de conhecer toda a gente.

Em relação à Universidade de Bratislava, as primeiras semanas vão ser um pouco caóticas mas depois tudo se endireitar-se-à, os professores são simpáticos e os coordenadores de Erasmus respondem-te (no sentido de ajudarem-te) regularmente.

Como é que é a comida?

Para comer comida tradicional eu recomendo bastante o Slovak Pub. É fantástico e podes comer diversas coisas. Para além disso, eles têm imensas opções de shopping e lojas onde consegues ter uma refeição barata (especialmente no Lidl) e comer tudo aquilo que tu preferires.

Experiência Erasmus em Bratislava, Eslováquia por Nerlisa!

Fonte

O que talvez não seja muito comum em todas as cidades europeias é a vasta quantidade de escolha de produtos de padaria, desde salgados a doces e por um preço razoável.

Foi muito difícil encontrares alojamento em Bratislava?

Nem por isso. Encontrei Websites com anúncios online, enviei alguns e-mails e consegui logo encontrar um quarto. Se preferires o dormitório, provavelmente será ainda mais fácil.

Qual é o custo de vida em Bratislava?

Para custos básicos cerca de 300 a 400 euros. Mas eu viajei imenso, pelo menos um país por mês, comprei muitos livros, etc, por isso os gastos foram um pouco mais altos como 450 a 500 euros por mês em média.

Para pagar a renda foram 250 euros por mês, mas se preferires ficar numa residência, ir-te-à custar apenas 60 euros por mês (uma colega minha gastou isso numa residência aqui), por isto as despesas conseguem ser bastante económicas.

Foi fácil entenderes a língua? Sabes se a Universidade disponibiliza cursos?

Existe um curso disponível no início de cada semestre e eu recomendo que o façam, especialmente se a vossa língua materna não pertencer ao grupo das línguas eslovacas. Para mim, eslovaco é uma mistura de esloveno com as línguas do sul dos Bálticos e eu consigo perceber, por isso não foi muito difícil para mim (nem para outras pessoas do mesmo grupo de línguas). Mas houve quem acha-se um pouco desafiante. Nos cursos podes aprender o básico do idioma, como simulando conversas de lojas e restaurantes, o que se torna bastante útil, já para não falar que é grátis!

Qual foi a maneira mais fácil ou mais económica de viajares desde a tua cidade até Bratislava?

Desde Ljubljana a melhor maneira é ir de boleia com Prevoz ou então procurar no grupo do Facebook Ljubljana-Dunaj, e de seguida viajar desde Viena até Bratislava de autocarro (o que custa 6, 90 euros com um desconto de estudante, podes comprar na altura).

Quais os sítios que recomendarias para ir sair à noite em Bratislava?

  • Bar Randal.
  • Čierny Pes.
  • Uisce Beatha.
  • Zamocky Pivovar.

E para comer? Podes recomendar alguns restaurantes bons em Bratislava?

O primeiro que precisas de experimentar é o Slovak Pub, que é ótimo. Para vegetarianos (ou então simplesmente para quando não te apetece comer comidas pesadas), Veg Life é excelente e com preços baixos, especialmente para comidas vegetarianas ou vegans. Para doces e snacks (como sanduíches) existe um sítio muito bom o Štúr Café.

E os locais culturais para visitar, quais são?

Castelo de Bratislava é um dos óbvios, apesar de que se estás à procura de um bom museu ou exposição, eu recomendaria muito mais o Museu no centro da cidade que é sobre a história da Bratislava.

Um Museu muito bom é o Museu das Armas que fica no Portão de St. Michael, especialmente porque fica numa Torre e a vista do local é muito boa, e até tem uma varanda no topo (o mesmo se aplica ao Museu no centro da cidade. Com o mesmo bilhete também podes entrar no Museu da Farmácia. A Igreja Azul parece acabado de sair de um filme da Disney, por isso vale muito a pena. A Catedral tem muito a oferecer, por o custo de apenas 1, 50 euro, e depois também têm de ir ver a Praça Hviezdoslav que é maravilhosa no inverno.

Experiência Erasmus em Bratislava, Eslováquia por Nerlisa!

Fonte

Existem também galerias, já para não falar do Teatro Nacional que tem um programa cultural muito rico (e não te esqueças de ver a Nova Scena também).

No entanto, a melhor coisa é andar pela Stare Mesto (a parte antiga da cidade), fazer uma paragem para beber um café em Štúr Café ou La Putika, ou ainda para um chocolate quente em Bon Bon, ou então onde preferires e aproveitar o passeio em si mesmo, com os edifícios antigos e as estátuas engraçadas que encontras em todos os cantos.

Há mais algum conselho que queiras dar a futuros estudantes de Bratislava?

Aproveitem o centro da cidade, descubram o vosso café preferido, o vosso pub preferido e a cerveja predilecta claro. Não se esqueçam de visitar os sítios mais turísticos, porque na maioria das vezes valem mesmo a pena. Ignorem o vento gelado, e não percam o Mercado Natalício.

Sejam pacientes quanto à língua eslovaca e preparem-se para conhecerem eslovacos que não sabem falar Inglês, mas que tentam te conhecer à mesma. Experimentem a comida eslovaca pelo menos uma vez, visitem outros locais na Eslováquia, porque os autocarros e os comboios estão disponíveis com preços baratos para poderes ir conhecer o resto do país (especialmente se gostares de castelos).

Aproveitem a Pequena Grande Cidade, e não se esqueçam que estão no sítio perfeito para viajar para Viena, Praga e tanto outros locais.


Galeria de fotos



Partilha a tua Experiência Erasmus em Bratislava!

Se conheces Bratislava como nativo, viajante ou como estudante de um programa de mobilidade... sobre Bratislava! Avalia as diferentes características e partilha a tua experiência.

Comentários (0 comentários)



Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!