Advertise here

Erasmus e encontrar casa...tarefa complicada!

Publicado por Eduardo Ferreira — há 6 meses

0 Etiquetas: Experiências Erasmus Valência, Valência, Espanha


A festa ontem com a equipa de rugby dos Estudiantes foi muito divertida. Voltei a casa cedo porque gosto de aproveitar a manhã para fazer algumas coisas, entre elas comprar uns chinelos novos porque a fita dos meus já se rebentou. Passo "en los chinos" e compro! Ou então compro algo mais caro mas que seja de um material reciclável ou talvez seja mesmo melhor não complicar :D

Quando acordei esta manhã fui ao telemóvel para dar os bons dias à minha namorada e passei pelo Whatsapp para ver o que andavam a fazer alguns Erasmus aqui em Valência. Muita festa e "vou a esta disco, alguém quer vir?"...mas havia lá um que não estava assim tão feliz. Simplesmente, um rapaz que chegou a noite passada a Valência tinha a casa onde ia passar o seu semestre já apalabrada com o senhorio. Pois no mesmo dia que ele chegou o senhorio informou-o que já não ia alugar porque encontrou outra pessoa para passar os dois semestres e isso era mais conveniente para ele.
Que se pode dizer? Somos humanos? O rapaz ia pagar 5 meses e depois viria outro para o quarto dele de certeza, qual é o problema? Há necessidade de fazer isto só porque queremos ter o nosso assegurado por mais tempo? Enfim...
Outra coisa que não me deixa muito convencido são estas associações ESN. Fazem muitas actividades, organizam festas e encontros...mas porque não tentam ser mais activos a ajudar os novos estudantes com isto de encontrar casa ou chegar pela primeira vez à cidade? Todos sabemos a dificuldade que os espanhóis têm em falar inglês mas estes estudantes têm algumas noções do idioma e podiam ajudar estes "erasmus" quando vão falar com os senhorios ou quando chegam ao aeroporto e nem sabem para onde se devem virar.
Pois não, a ESN apenas começa um dia depois do início programado de aulas para que os alunos vão lá, paguem a cota anual e depois apresentam o temário de actividades. É porreiro, sim, dá trabalho organizar isto e os alunos responsáveis deixam ali o seu tempo para que tudo corra bem e todos passem momentos agradáveis. Mas com festa ou sem festa, com actividade organizada pela ESN ou não, os alunos (sejam erasmus ou não) acabam por se encontrar e por se divertirem na mesma, por isso penso que esta ajuda inicial de estar ao lado do estudante enquanto fala com o senhorio ou tentar ajudar a encontrar casa também podia ser uma das "extensões" da ESN. Secalhar alguém devia propor isso e afirmar-se como responsável da secção :D
Não sou um exemplo para ninguém mas vou tentando dar o melhor de mim. Há duas semanas chegou uma rapariga francesa também para fazer Erasmus e no chat dizia que estava nervosa porque não sabia nada de espanhol e ia apanhar o avião e o senhorio não respondia há dois dias às mensagens. Pois quando li isto imaginei o quão perdida devia estar e sem soluções. Uma vez que falo inglês e já sou bom falante de castelhano, voluntariei-me para ajudar a menina e encontrei-me com ela. Ajudei com a mala, fomos até à morada indicada e tentei falar com a rapariga que iria viver com ela na mesma casa. Provei-lhe que estava com a futura colega de casa dela e foi essa rapariga que ligou ao senhorio para ele lá ir, senão ele nem sequer ia receber a rapariga. Fiz de tradutor (é que os espanhóis, mesmo não sabendo um idioma, nem sequer falam devagar, mantêm a sua postura como se estivessem a comunicar com um nativo, quem quiser que se arranje) e senti-me bem por ajudar assim, vi um enorme alívio na cara da rapariga e ainda agora vamos falando e está muito feliz com os seus colegas de casa e com as saídas que faz com eles. Também me disse que ainda não foi a nenhuma actividade da ESN, o que prova que se pode divertir imenso na mesma mas que teria sido mais importante ter alguém ao seu lado no momento que chegou a Valência.

Foi o meu pensamento matinal, não acordei incomodado, mas tinha que partilhar isto. Não vou postar fotos mas sim uma frase que pode ser aplicada em todas as dimensões :)

"Governing by numbers is the last resort of a country that no longer knows what it wants, a country with no vision of utopia" - Rutger Bregman in Utopia for Realists

PS: deixo aqui um link interessante sobre gente que aluga casa/quartos e estão associados à UPV (Universidad Politecnica de Valencia). 


Partilha a tua Experiência Erasmus em Valência!

Se conheces Valência como nativo, viajante ou como estudante de um programa de mobilidade... sobre Valência! Avalia as diferentes características e partilha a tua experiência.

Comentários (0 comentários)



Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!