Advertise here

"Milão é entediante, lá não tem nada pra fazer", eles dizem...

30 coisas para ver em Milão

Quando eu falo com outras pessoas sobre Milão ou elas não sabem onde a cidade fica (já fui perguntada algumas vezes onde exatamente a cidade fica na Espanha) ou acham que lá não tem nada de interessante para ver.

Então, primeiro elas não prestaram atenção nas aulas de história e segundo fizeram alguma coisa errada, enquanto estavam na cidade. Devo dizer que Milão é uma "cidade difícil", ou seja, muitas coisas precisam ser descobertas por si próprio e muitos lugares precisam ser procurados com um objetivo. Eu entendo que à primeira vista a cidade parece cinza, caótica e cheia de concreto, mas quando se conhece melhor a cidade, ela se torna mais querida.

Vou mostrar o que vocês podem fazer quando estiveream passando por Milão ou estiverem ficando por mais tempo.

1. Duomo di Milano

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

O Duomo todos conhecemos e não é em vão que ele seja o coração da cidade. Como principal símbolo da cidade ele não pode faltar na nossa lista.

2. Galleria Vittorio Emmanuele II

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Na elegante galeria, mantida no estilo neorrenascentista, que fica entre a Piazza del Duomo e a Piazza della Scala, se encontram as mais caras e chiques marcas.

3. Museo del '900

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Da Sala Fontana pode se ver não só o único "Soffitto spaziale" do artista milanês Lucio Fontana, mas também a impressionante Piazza del Duomo.

4. Ca' Granda

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Um dia sede do hospital mais antigo de Milão, é o "Ospedale Maggiore", como a Ca' Granda até hoje é chamada, hoje sede da universidade estatal da cidade.

5. Piazza degli Affari

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Aqui fica a famosa escultura de Maurizio Cattelan chamada L. O. V. E. (ou também "Il Dito"), que representa um dedo do meio levantado, direcionado contra a bolsa de valores de Milão.

6. Piazza Cordusio

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Essa interessante praça não é apenas o ponto de encontro dos homens de negócios de Milóo, mas tem também uma surpreendente vista para o Duomo, para a Piazza Cairoli e o Castello Sforzesco.

7. Via Montenapoleone

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Se trata da ruela mais famosa de toda a cidade, porque é o símbolo de luxo e glamour da cidade da moda.

8. Teatro alla Scala

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

La Scala é uma das mais conhecidas e respeitadas casas de ópera de todo o mundo. Assistir a uma ópera ao vivo é uma experiência única!

9. Casa Manzoni

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Aprenda mais sobre a vida de Alessandro Manzoni, um dos mais famosos escritores italianos, que até hoje impressiona a sociedade com seus romanos "I promessi sposi"!

10. Stazione Centrale

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

No meio de um moderno bairro, cheio de arranha-céus e prédios fascistas, se encontra a linda estação central, que não combina com esse cenário mas ainda assim é fascinante.

11. Casa Boschi di Stefano

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Em uma calma ruela do Corso Buenos Aires se encontra essa "Casa museo", que é uma moradia, que foi transformada em museu e abriga uma interessante e valiosa coleção de arte do século 20.

12. Museo civico di storia naturale

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Esse museu de história natural é rodeado pelos Giardini Pubblici, que proporcionam uma atmosfera relaxante e parecida com a primavera. Principalmente para crianças esse museu é muito recomendado!

13. Palazzo Dugnani

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Do outro lado do parque se enontra uma encantadora Villa no estilo rococó, cujas paredes são pintadas com impressonantes frescos do artista veneziano Giambattista Tiepolo.

14. Villa Necchi Campiglio

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Essa chique vila no estilo do "Movimento Moderno" foi construída nos anos 30 pela família industrial Necchi Campiglio e é hoje um dos tesouros da cidade. Ela foi usada para as filmagens do filme "Io sono l'amore" com Tilda Swinton.

15. Rotonda della Bessana

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

No centro de um complexo circular se encontra a igreja San Michele ai Nuovi Sepolcri, que é rodeada por um gramado verde, onde se pode relaxar quando o clima estiver bom. O complexo funciona hoje como parque ou cenário para eventos especiais.

16. Giardino della Guastalla

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Esse jardim público é provavelmente um dos lugares mais românticos da cidade, pois o peqyeno lago "La Peschiera" proporciona uma atmosfera idílica.

17. Terme di Milano

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

No bairro hippy de Porta Romana se encontra essas termas urbanas, que chama a atenção por sua área externa, porque se encontra no meio da cidade e só é protegida da floresta urbana da cidade pelos muros espanhóis antigos Bastioni.

18. Porta Ticinese

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

A região da Porta Ticinese é o ponto de encontro dos amanstes da noite, pois lá os milaneses fazem a "Movida". Veja os criativos desenhos nas paredes e os grafites, que podem ser descobertos aqui.

19. Cappella Portinari

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Na Basilica di Sant'Eustorgio perto da Porta Ticinese se encontra essa linda capela, planejada por Vincenzo Foppa, um dos mais importantes pintores do Renascimento da Lmobardia e o predecessor de Leonardo.

20. Colonne & Basilica di San Lorenzo Maggiore

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Um dia essas colunas construídas com materiais romanos fizeram parte do complexo da igreja cristã primitiva. Hoje essa praça chama a atenção dos jovens, que compram bebidas nos bares nos arredores e se sentam na praça para aproveitar a noite.

21. Navigli

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Ambos os Navigli e as Darsena, nas quais eles desembocam, são os únicos lugares irrigados da cidade. sSe pode caminhar calmamente pelos Navigli e depois ficar em um dos estilosos lugares.

22. Anfiteatro romano

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

No começo do Corso Genova fica esse "mistério" e um parque um pouco oculto, que abriga as ruínas de unfiteatro dos tempos romanos, quando a cidade ainda se chamava Mediolanum.

23. Basilica di Sant'Ambrogio

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Depois do Duomo, essa basílica, construída no ano 379, é a mais importante igreja da cidade, por ser um exemplo perfeito da igreja cristã primitiva e também por ser um importante cenário para a história de Milão.

24. Chiesa di Santa Maria delle Grazie & "A Última Ceia"

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Vou clarear para quem não sabe: "A Última Ceia" de Leonardo da Vinci fica em Milão, mais precisamente, na igreja de Santa Maria delle Grazie planejada por Donato Bramante. E ela não é um quadro, mas sim uma pintura na parede, que fica no refeitório do convento da igreja.

25. Parco Sempione

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Esse parque grande e romântico fica no centro de Milão, e ele é tão complexo que é possível fugir de todo o barulho da cidade dentro dele. Além disso, existem vários pontos turísticos no parque e em volta dele.

26. Arco della Pace

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

No começo do vivo Corso Sempione fica esse arco do triunfo em estilo neoclássico, que foi erguido para comemorar a paz entre as nações europeias consequente do Congresso de Viena.

27. La Triennale di Milano

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

La Triennale é o Museu de Arte Contemporânea de Milão, e de seu terraço pode se ver uma linda vista do Parco Sempione. O museu sempre organiza exposições e eventos extravagantes.

28. Castello Sforzesco

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Bem em frente ao Parco Sempione fica esse castelo renascentista, que um dia foi moradia da família de duques Sforza. Hoje o castelo abriga diferentes museus, como a Pinakothek do castelo, o Museu Egípcio ou o Museo d'arte antica, onde se encontra a "Pietà Rondanini" de Michelangelo.

29. Acquario Civico

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

É o terceuro mais antigo aquário do mundo e foi criado para a Expo do ano 1906. O pavilhão foi mantido em seu típico Liberty-Stil da época e se encontra ao lado da entrada leste do Parco Sempione.

30. Pinacoteca di Brera

mailand-langweilig-gibt-nichts-sehen-sag

Fonte

Esse museu cheio de significado é o berço de algumas das mais importantes obras italianas da era moderna. Se encontra na Pinacoteca, entre outros, obras de pintores como Perugino, Bramente, Mantegna, Bellini, Tintoretto (veja a foto), Tiziano ou Caravaggio. Principalmente os mestres da Lombardia e do Veneto são presentes.

Quero ver me falarem de novo que não tem nada para ser descoberto em Milão! Principalmente para pessoas, que são interessadas em arte e cultura, a capital da Lombaria é um verdadeiro paraíso, mas todos os outros também podem se divertir muito na cidade. Só mantenha os olhos abertos e a visão direcionada às belezas da cidade.


Galeria de fotos



Comentários (0 comentários)


Queres ter o teu próprio blogue Erasmus?

Se estás a viver uma experiência no estrangeiro, és um viajante ávido ou queres dar a conhecer a cidade onde vives... cria o teu próprio blogue e partilha as tuas aventuras!

Queres ter o teu próprio blogue Erasmus?


Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!