Advertise here

Passeio no Lago di Garda (Pt3)

Publicado por Catarina Frazão de Faria — um ano atrás

Blogue: Sei accanto a me, Milano!
Etiquetas: Geral

Neste último texto sobre a minha excursão ao Lago di Garda vou falar-vos sobre Gardone Riviera, destacando primeiro o sumptuoso Hotel Ville Montefiori, onde tivemos oportunidade de passar a noite.

Primeiramente, devo dizer que passear no lago (neste e em qualquer um) com bom tempo é verdadeiramente mais aprazível do que com o céu nublado, algo que tinha sucedido da última (e primeira) vez que tinha estado na zona do Garda. Faz toda a diferença não haver neblina a pairar, pois conseguimos distinguir ao longe as margens e realmente ter noção da beleza do espaço.

Aquilo que a paisagem nos transmite é sobretudo paz de alma, sendo uma óptima forma de recarregar baterias, que tanto precisamos ao ter de regressar à "vida real", stressante e frenética.

O grande atractivo deste hotel é, para além do maravilhoso jardim donde gozamos uma magnífica vista para o lago, o facto de dispor de um centro de beleza e tratamento e spa, incluindo piscina e jacuzzi, ideal para podermos relaxar.

Com o intuito de aproveitar ao máximo essa regalia, saímos de Gargnano ao início da tarde e em cerca de 30 minutos estávamos a subir a rua que dá acesso ao hotel, que se localiza não muito distante da vila de Gardone Riviera.

Dali a visão é verdadeiramente encantadora. Uma imagem vale mais do que mil palavras...

passeio-no-lago-di-garda-pt3-a4cf6e297fe

passeio-no-lago-di-garda-pt3-59b978081bb

Vista sobre o lago do Hotel Ville Montefiori

O Ville Montefiori é uma das construções mais bonitas em redor do Lago di Garda (pelo menos daquelas que eu pude ver), contando com alguns hectares de terreno onde foram cuidadosamente plantadas árvores e flores de todos os géneros, que perfumam o ar e criam um ambiente idílico, representação máxima de tranquilidade.

passeio-no-lago-di-garda-pt3-d67b843a903

Detalhes do Hotel Ville Montefiori

O Ville Montefiori é uma das construções mais bonitas em redor do Lago di Garda (pelo menos daquelas que eu pude ver), contando com alguns hectares de terreno onde foram cuidadosamente plantadas árvores e flores de todos os géneros, que perfumam o ar e criam um ambiente idílico, representação máxima de tranquilidade.

Alguns dos quartos têm uma pequena varanda, óptima para apanhar um pouco de sol enquanto contemplamos a paisagem. Foi o nosso caso (ainda que tenha tido um custo adicional de 10€, mas não tivemos outra opção pois era o único tipo de quarto disponível na altura em que validámos o desconto promocional) e eu posso dizer que aproveitei ao máximo até o sol se pôr.

Este hotel preza-se pela gestão familiar que tem vindo a manter desde a sua abertura nos anos 40, que lhe confere uma atmosfera simples apesar de luxuosa.

Contudo, devo comentar criticamente que, na minha opinião, o hotel se encontra um tanto ou quanto cparado no tempo, particularmente na decoração interior, quer seja do lobby quer seja dos quartos, e que se nota alguma falta de cura nas estruturas exteriores do jardim. Tivemos de imediato essa percepção, o que nos faz questionar os preços altos que pedem pelos quartos por noite, pois claramente existe uma discrepância naquilo que é prometido e aquilo que efectivamente existe. Em época alta, os preços são mesmo exorbitantes, pelo que deveria haver a preocupação de reparar, e mesmo remodelar e restruturar, o que não está “perfeito”.

Não obstante alguma decepção com o quarto, a zona do centro de beleza correspondeu às nossas expectativas a 100%. Um espaço muito aprazível, do qual desfrutámos em sossego já que àquela hora da tarde, naquele dia - relembre-se, época baixa - não estava muita gente no hotel e menos ainda na piscina interior.

passeio-no-lago-di-garda-pt3-6c2d236be2c

"Com direito a tratamento Spa e tudo!"

Existe também uma piscina exterior, que já tínhamos ido espreitar antes, apesar de ainda estar obviamente fechada, e que nos suscitou bastante vontade de regressar no Verão e ficar extendidas nas espreguiçadeiras. Pelo menos levou-nos a imaginar como seria passar ali uma temporada estiva, pois é com certeza o que muitos turistas estrangeiros fazem.

Depois de uma hora e tal de total serenidade no Spa, sentindo-nos revitalizadas, mas com fome, decidimos ir jantar à vila, tendo escolhido um restaurante bastante convidativo e que nos pareceu o local ideal para uma boa refeição à italiana.

O hotel também tem restaurante, mas o nosso preço reduzido não incluía pensão completa, apenas pequeno-almoço, o qual devorámos na manhã seguinte. Mas já lá vamo… Primeiro, o jantar.

O “Emiliano” é realmente o típico restaurante italiano que encontramos nas pequenas vilas: serve comida apetitosa – comemos “pasta”, que nunca falha em Itália, e avançámos ainda para sobremesa, tendo escolhido, se não estou em erro, a “panna cotta”– e é económico. Dizem ser um dos melhores da vila e da nossa parte não poderíamos dizer nada em contrário. Ficámos satisfeitas e era o mais importante.

passeio-no-lago-di-garda-pt3-8ffee1f243f

“Penne all’arrabiatta” e “Spaghetti ai frutti di mare”

Aproveitámos depois para dar um giro no “lungolago” à noite ainda antes de regressar ao hotel, mas verdade seja dita, estávamos prontas para ir dormir… Para mal dos nossos pecados, a subida a pé custou mais do que parecia e quando chegámos lá acima só queríamos mesmo era aterrar na cama, já que na manhã seguinte teríamos de acordar cedo para explorar convenientemente Gardone Riviera, mas a tempo de regressar a Milão ao início da tarde – à noite seria a festa celebrativa da graduação da minha amiga, surpresa para ela, mas convinha preparar-nos.

Uma noite bem dormida, mas um pequeno-almoço que não convenceu. O salão de refeições (e festas) era grandioso e dava a sensação de estarmos num local divinal, porém a comida era parca em termos de variedade. Para um hotel de 4*, a oferta deveria ser muito maior, e de óptima qualidade, e não se verificava assim. Era suficientemente aceitável, mas o nível claramente abaixo, não só das expectativas, mas principalmente dos requisitos obrigatórios para aquilo que cobram aos hóspedes.

Ainda assim, podemos dizer que gostámos bastante de ter podido viver esta experiência, diferente, pois o público-alvo do hotel é claramente outro que duas raparigas de vinte e poucos anos… Mas soube bem!

Gardone Riviera

Na província de Brescia, esta é uma das localidades mais turísticas junto ao Lago di Garda, que oferece, para além do apelativo “lungolago”, um conjunto de outros pontos de interesse histórico, assim como grande divertimento nocturno, em particular durante o Verão.

Um dos locais mais famosos desta vila é o “Vittoriale degli italiani”, uma cidadela monumental mandada construir pelo célebre escritor italiano Gabriele d’Annunzio nos anos 20-30, que se estende por vários hectares nas colinas, em posição panorâmica sobre o lago.

Trata-se de um complexo de edifícios, ruas, praças - incluindo um teatro a céu - jardins e cursos de água, estruturado com o intuito de servir como homenagem à vida inigualável do “poeta-soldado”, e em geral às façanhas do povo italiano na 1ª Guerra Mundial.

Neste sítio há muito para ver, mas para chegar até lá vindas do hotel ainda passámos por alguns locais de destaque. Seguindo inicialmente parte de um dos vários trilhos “trekking” que se podem realizar nesta zona, alcançámos o “borgo” que caracteriza a parte interior de Gardone, cuja praça principal é a Piazza dei Caduti, onde encontramos vários restaurantes e lojinhas.

Como não podia deixar de ser, surge aqui também a igreja paroquial da vila – “Chiesa di San Nicolò da Bari” – que remonta ao século XIV.

passeio-no-lago-di-garda-pt3-c368cf44dea

Piazza dei Caduti

O “Vittoriale” è um parque pago em toda a sua extensão, pelo que para ser visitado obriga à compra de bilhete, que pode ser feita no local ou também online no sítio oficial. Aproveitem para consutar-lo para saber mais informações sobre horários e preços.

Uma vez que não tínhamos tempo para incluir esta visita no nosso plano matinal, tirámos somente algumas fotografias do seu exterior e descemos em direcção ao lago.

passeio-no-lago-di-garda-pt3-a5024c95c7d

Entrada do “Vittoriale degli italiani”

passeio-no-lago-di-garda-pt3-9086939dc89

"Bem-vindos a Gardone Riviera!"

Apesar de não termos podido explorar este grandioso parque, é obviamente uma das principais atracções de Gardone Riviera e, por isso, deixo a recomendação.

Seguindo a Via al Vittoriale em toda a sua extensão até ao “lungolago”, somos encaminhados para a “praia” destas bandas (“Spiaggia Casinò”), onde muitos banhistas procuram refrescar-se em dias de calor, já que é o único local onde se pode tomar banho no lago.

De outro modo, cortando numa perpendicular à direita, vamos dar directamente a um dos edifícios mais marcantes de Gardone, a Villa Alba, construída em estilo neoclássico em homenagem à necrópole de Atenas, e que actualmente funciona como centro de congressos.

Descendo agora até junto do lago, não resta dúvida na razão pela qual Gardone Riviera é um dos destinos de eleição do Garda: um cenário esplendoroso diante dos nossos olhos, suportado por um clima ameno durante todo o ano, muito favorável a longas e aprazíveis passeatas.

Nas margens destacam-se uma série palácios históricos, muitos dos quais hotéis luxuosos, nomeadamente o “Grand Hotel Gardone”, o “Hotel du Lac” e o “Hotel Savoy Palace”, muito procurados pelos turistas. As fachadas são muito bonitas, colorindo Gardone Riviera de tonalidades suaves e delicadas, perfeitamente enquadradas no ambiente lacustre.

passeio-no-lago-di-garda-pt3-ae23e2c14fd

“Lungolago D’Annunzio”

passeio-no-lago-di-garda-pt3-f87194d8dd1

“Grand Hotel Gardone”

passeio-no-lago-di-garda-pt3-bbd0247d728

“Hotel Savoy Palace”, junto ao porto de Gardone Riviera

Daquilo que eu pude constatar, achei Gardone uma vila muito mimosa e cheia de vida. Um local ideal para passear férias no lago, donde facilmente se alcançam outras vilas por meio do serviço de navegação.

Por entre as praças floridas, são vários os restaurantes, cafés, geladarias e bares que fazem as delícias dos visitantes, consolidando momentos de relaxe, num local sugestivo, onde as preocupações se desvanecem e o único pensamento passa a ser que saboroso prato vamos hoje almoçar e depois jantar...

passeio-no-lago-di-garda-pt3-d77540c3e3c

Passeando pela zona inferior da vila

O percurso turístico por Gardone deve ainda incluir o lindíssimo Jardim Botânico André Heller, onde uma vasta flora de todo o tipo despoleta os sentidos e podemos também encontrar admiráveis esculturas e obras de arte espalhadas pelo jardim, tornando-o um autêntico “Éden”. Pelo menos é o que dizem…

Nós infelizmente não tivemos tempo suficiente para explorar esta atracção e terminado o giro no “lungolago”, do qual vos deixo uma última foto, tomámos o curso da estrada para o hotel para ir buscar o carro e seguir viagem.

passeio-no-lago-di-garda-pt3-c268321cb16

Vista para Gardone Riviera nas margens do Lago di Garda

Termino assim este tríptico sobre o meu passeio de dois dias no Lago di Garda - momentos para recordar e reviver, especialemente tendo em conta a deslumbrante visão paisagística.

Toda a região dos Grandes Lagos Italianos é extramemente bonita, e o Lago di Garda merece inequivocamente todos os louvores que desde há muito lhe são atribuídos.

Torna-se repetitivo dizer que a paisagem é incrível, mas é porque de facto assim sucede, e só quem vê ao vivo, seja uma ou muitas vezes, sabe realmente do que fala. Por isso, não deixem passar a oportunidade de visitar este lago e as vilas que mencionei, mas livres de explorar também outras tantas, nomeadamente na margem oriental, que deverão ser igualmente atractivas.

Abslutamente imperdível!


Galeria de fotos


Comentários (0 comentários)


Queres ter o teu próprio blogue Erasmus?

Se estás a viver uma experiência no estrangeiro, és um viajante ávido ou queres dar a conhecer a cidade onde vives... cria o teu próprio blogue e partilha as tuas aventuras!


Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!