O que considerar ao escolher o seu estágio no estrangeiro | Geral
Advertise here

O que considerar ao escolher o seu estágio no estrangeiro

Chegou a hora de escolher a empresa onde vai fazer o seu estágio com a universidade e, se há uma coisa de que tem a certeza, é que quer fazê-lo fora do seu país. Então, comece a procurar estágios no estrangeiro... nós ajudamos! A decisão não é fácil, e ainda menos quando se trata de um estágio no estrangeiro, mas com os nossos conselhos o processo será mais fácil, o que aposta? Vamos começar!

O que considerar ao escolher o seu estágio no estrangeiro

Quer encontrar o estágio ideal para si no estrangeiro?

É perfeito fazer estágio no estrangeiro, se o que procura é enriquecer o seu Currículo Vitae com uma experiência de trabalho diferente e trabalhar num ambiente internacional. Além disso, pode melhorar a sua segunda língua, conhecer novas pessoas e descobrir uma cidade estrangeira. É verdade que não há nada como fazer estágio no estrangeiro. No entanto, o processo de pesquisa pode ser um pouco complicado. Também pode recuar na questão do dinheiro questionando-se: "Os estágios são pagos no estrangeiro? Se não estão, como posso sobreviver? Existem bolsas para estágios profissionais no estrangeiro?" Leia e esclareça todas as suas dúvidas.

1. Como encontrar estágios no estrangeiro

Em primeiro lugar, é preciso saber que há muitas universidades que têm um portal específico para estágios. Obviamente, só pode aceder à secção de estágios da sua universidade com as suas credenciais de login. Se for esse o caso da sua instituição, então pode explorar o seu motor de busca para estágios no estrangeiro. Lá encontrará os anúncios de empresas estrangeiras que estão à procura de candidatos. Entre as ofertas de estágio, pode filtrar os resultados de acordo com o seu ramo de estudos e encontrar a solução perfeita para si.

É tão fácil como encontrar estágios em empresas no estrangeiro e enviar e-mails para os responsáveis de cada organização. A única coisa que deve ter em mente é que pode levar muito tempo, tanto para encontrar empresas que lhe interessam, como para entrevistar e receber respostas. Por esta razão, será melhor que comece a procurar com o tempo.

Se está a pensar como conseguir um estágio no estrangeiro, aqui estão algumas dicas úteis:

  1. Faça uma lista de todas as empresas que lhe interessam.

    Divida os documentos por país e informe-se sobre os documentos necessários para trabalhar no estrangeiro. Não queremos que se mude sob stress.

  2. Submeta as suas candidaturas e inicie os processos de seleção.
  3. Lembre-se: organização, disponibilidade e seriedade são elementos-chave durante o processo. Tem de estar atento aos e-mails e responder de forma rápida e profissional.
  4. Entrevista de emprego. Durante a entrevista, seja você mesmo, informe-se sobre a empresa e prepare algumas perguntas para mostrar o seu interesse ao entrevistador.

2. Atenção! Muitas empresas detalham os seus programas de estágio no estrangeiro

Ao escolher onde fazer um estágio no estrangeiro, leia atentamente a oferta de cada empresa! Muitos especificam o programa de estágio: tanto as tarefas que terá de realizar como as competências que adquirirá. Facilitam-lhe a vida!

Além disso, se está a pensar quais são as melhores empresas para fazer estágio no estrangeiro... aconselhamos que escolha a empresa que melhor se adequa ao que procura. Grande ou pequena? Um não é melhor nem pior que o outro, pelo contrário, ambos têm prós, vamos ver quais são:

  • Pequenas e médias empresas: trabalhar numa PME é um desafio! Será mais fácil conhecer todos os colaboradores e aprender com cada um deles. Poderá fazer a sua parte e tomar ativamente decisões, para ajudar a empresa a crescer.
  • Grande empresa: se uma empresa é grande, significa que é muito bem-sucedida. Ter experiência numa grande organização pode fazer a diferença no seu CV. Terá muitos departamentos e será mais fácil encontrar o ideal para si.

Se quiser, pode ver a Experiência de Cristian, que fez o seu Estágio Erasmus+ na Turquia.

O que considerar ao escolher o seu estágio no estrangeiro

3. Saiba se há bolsas de estudo para estágios no estrangeiro

Os estágios no estrangeiro podem ser remunerados ou não. Pode ou não ter a sorte de receber uma quantia que o ajude a cobrir o custo da renda. E todos sabemos que viver no estrangeiro, comer fora, festejar, viajar... no final, sai caro. É por isso que é importante saber, se há bolsas para estágios no estrangeiro.

Pode ser a sua própria universidade a fornecer bolsas para o ajudar a viver, a sua experiência de estágio no estrangeiro. Normalmente, o montante depende da sua universidade, da sua comunidade autónoma ou do país que escolher como destino. Ou pode procurar organizações externas especializadas em programas de estágio no estrangeiro.

Dê uma vista de olhos a estes exemplos:

  • Programa Leonardo da Vinci, financiado pela Comissão Europeia.
  • Programa Erasmus+ Traineeship. Oferece bolsas para estágios no estrangeiro para estudantes universitários ou recém-licenciados.
  • Bolsas MAEC-AECID. Fornece bolsas para estágios no estrangeiro: para espanhóis e cidadãos europeus;

    para cidadãos de países parceiros da Cooperação Espanhola (da América Latina, África e Ásia).

  • Programa de Internship AIPC-Pandora. Escolha o seu estágio no estrangeiro com bolsas de estudo para trabalhar na Europa, África ou América Latina, nas áreas de: Educação, Jornalismo, Marketing, Turismo, entre outros.

Não importa se escolhe uma pequena, média ou grande empresa, nem a instituição que financia o seu estágio, ou se tem ou não a sorte de encontrar estágios pagos no estrangeiro. Não há dúvida de que esta experiência será a melhor da sua vida. Aproveite ao máximo e aprenda o máximo que puder, o tempo passa a voar!

No final, terá de escrever um relatório de estágio, mas como?

O seu estágio universitário no estrangeiro, chegaram ao fim. Está na hora de escrever o seu relatório de estágio! Em primeiro lugar, terá de ler as instruções da sua universidade. O relatório pode diferir, dependendo da instituição em que se tenha inscrito.

Em geral, este pode ser um bom exemplo de um relatório de estágio universitário. Dê uma vista no índice:

O que considerar ao escolher o seu estágio no estrangeiro

Como fazer um relatório de estágio

  1. Na capa:
    • Introduza os seus dados: nome, apelido, número de matrícula, faculdade
    • Introduza o nome da empresa e dê um título ao seu relatório
  2. Crie um índice.
  3. Desenvolva o ccorpo do relatório:
    • Especifique a data de início e fim; modalidade; total de horas.
    • Apresente a empresa.
    • Descreva o seu trabalho e os objectivos alcançados.
    • Avalie a sua experiência global.

Encontre o seu alojamento com Erasmusu: durante os meses de estágio

A sua nova aventura profissional já tem data, tem de procurar um apartamento e não sabe por onde começar, não se preocupe! Quer esteja à procura de arrendar quartos para estudantes, bem como arrendar estúdios, apartamentos ou residências, na Erasmus ajudamos-lhe a encontrar a melhor opção, para que se sinta em casa se se mudar para fazer o seu estágio. No nosso site não terá qualquer problema com as datas, a palavra-chave é: flexibilidade, para que possa reservar apenas para os meses do estágio.

O que considerar ao escolher o seu estágio no estrangeiro

Além disso, acabamos de lançar a Nova Reserva Flexível: arrende o seu alojamento com total tranquilidade e cancele sem custos adicionais. Mudar-se para outro destino leva tempo e os melhores apartamentos esgotam-se rapidamente, reserve agora e se houver imprevistos pode cancelar mais tarde e sem custos. O que está à espera?


Galeria de fotos



Comentários (0 comentários)


Queres ter o teu próprio blogue Erasmus?

Se estás a viver uma experiência no estrangeiro, és um viajante ávido ou queres dar a conhecer a cidade onde vives... cria o teu próprio blogue e partilha as tuas aventuras!


Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!