Advertise here

Subir a Ponte da Arrábida

Publicado por Maria Matos — há 5 meses

Blogue: Dicas sobre o Porto
Etiquetas: Blogue Erasmus Porto, Porto, Portugal

Se estão a visitar o Porto, ou mesmo sendo locais, há uma atividade que eu considero que todos deviam experimentar pelo menos uma vez: subir a ponte da Arrábida! Como? Através do Porto Bridge Climb. É uma atividade fora do normal que tenho a certeza que vai agradar a todos, independentemente da idade.

É possível subir todos os dias da semana, inclusive fim-de-semana, desde a hora de almoço até ao final do dia (ocasionalmente é possível subir também de manhã, à noite ou ver o nascer do sol, mediante marcações prévias). O melhor mesmo é reservar com antecedência, especialmente nos meses de Verão, para evitar desilusões! Quanto ao preço dos bilhetes, penso que ronda os 12 euros, mas não tenho a certeza. De qualquer forma, encontram todas as informações no site oficial.

Para contextualizar um bocado, em 1963 a Ponte da Arrábida era o maior arco de betão do mundo. A ponte foi construída pelo engenheiro Edgar Cardoso e quando foi inaugurada havia muitas pessoas que achavam que a estrutura iria cair, mas obviamente tal nunca veio a acontecer. Desde 2016 passou a ser possível visitar o cimo da ponte, que até então nunca tinha sido permitido, apesar de de vez em quando uns corajosos subirem, sem qualquer proteção. É uma das únicas pontes do mundo inteiro que pode ser visitada desta forma!

Chegados ao sopé da ponte, existe uma pequena exposição nas paredes sobre a Ponte, várias cadeiras e uma espécie de “tenda” onde funciona a recepção. A subida é feita em grupos de 13 pessoas, todas com equipamentos de segurança e com um arnês que as liga ao corrimão. O grupo é acompanhado de um guia, que no início explica todos os procedimentos de segurança. A subida é feita utilizando uns degraus (262! Mas faz-se bem!) e com ajuda de um corrimão, portanto não é uma atividade propriamente “radical”, apesar de algumas pessoas que têm medo de alturas poderem sentir algum medo.

À medida que se vai subindo, a vista torna-se deslumbrante, mas o melhor mesmo é quando chegamos lá em cima! De um lado, vemos a baixa do Porto, e do outro a Foz do Douro. Acho que a melhor hora para subir é ao final do dia, o que permite ver um pôr-do-sol espetacular lá em cima! Há muito tempo para tirar fotografias e disfrutar da paisagem, ao mesmo tempo que o guia nos conta alguns factos sobre a ponte e a cidade.

A descida pode fazer mais impressão a quem não gosta de alturas, mas mesmo assim é tudo extremamente seguro e os guias são super prestáveis. No total a atividade demora cerca de 40min.

Existe a possibilidade de reservar para grupos e é também um exercício muito interessante de team building para as empresas! Quanto aos visitantes, há muitos estrangeiros mas também muitos portugueses curiosos em ver esta perspetiva tão diferente da cidade.

Agora já sabem, se procuram uma atividade inesquecível no Porto, esta não vos vai desiludir!


Comentários (0 comentários)


Queres ter o teu próprio blogue Erasmus?

Se estás a viver uma experiência no estrangeiro, és um viajante ávido ou queres dar a conhecer a cidade onde vives... cria o teu próprio blogue e partilha as tuas aventuras!


Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!