Advertise here

Festas de S. João

Publicado por Maria Matos — há 5 meses

Blogue: Dicas sobre o Porto
Etiquetas: Blogue Erasmus Porto, Porto, Portugal

Acho que todas as cidades têm “aquela” festa popular que atrai todos os habitantes. No caso da cidade do Porto, essa festa é, sem dúvida alguma, o São João do Porto, uma festa popular que acontece todos os anos da noite de 23 para 24 de Junho.

Originalmente, esta festa surgiu como celebração do solstício de Verão, onde as pessoas celebravam a alegria das colheitas e abundância. No entanto, anos mais tarde, a Igreja tornou a festa “católica”, sendo o dia em que se celebra o nascimento de São João Batista.

Histórias à parte, nos dias de hoje é uma festa muito animada, que na minha opinião reflete o que o Porto tem de melhor: o convívio, a animação, a comida e o à vontade que caraterizam os Portuenses, que na hora de festejar, o fazem como ninguém.

É preciso explicar que o dia de S. João é um dia cheio de tradições: uns dias antes já se começa a reparar na venda de manjericos. O que é um manjerico? É uma planta que ficou associada a esta festa, sendo comum as pessoas comprarem um vaso nesta altura do ano, que vem sempre com um verso popular e onde as pessoas podem passar a mão e sentir o cheirinho da planta. Não me perguntem a origem desta planta, mas toda a gente sabe que é um dos símbolos do S. João. Quando finalmente chega o dia 23, os preparativos começam ao longo do dia, com muitas pessoas a preparar o jantar. Sim: toda a gente se reune para uma jantarada, amigos e famílias, dentro ou fora de casa. Há pessoas que comem na rua, oferecendo comida e bebida a quem passa! Quanto ao jantar em si, há outra tradição: sardinhas e pão. Sempre! E com muito álcool, especialmente cerveja – não é uma festa conhecida pela sobriedade! Por toda a cidade surgem grelhadores onde as sardinhas são preparadas.

Depois do jantar, acontece o melhor do S. João: sair à rua. O povo sai todo à rua, e é uma animação até de madrugada. Primeiro, cada bairro decora as ruas com fitinhas e outras decorações muito típicas desta festa. Segundo, há concertos por todo o lado, os famosos “bailaricos”, principalmente no centro da cidade. Há barraquinhas da Super Bock em cada esquina. Existem outras duas tradições que eu não sei explicar a origem mas que toda a gente leva a peito: os alhos-porros e os martelos de plástico. Sei que parece surreal, mas as pessoas esfregam alhos na cara uma das outras e batem com os martelos nas cabeças de desconhecidos, num gesto de sorte e fertilidade. E, por fim, outra tradição muito associada a esta festa: o lançamento de balões de ar quente. No passado esta tradição era ainda maior, toda a gente lançava balões a noite toda, o que tornava o céu muito bonito. Mais recentemente, tendo em conta os incêndios de 2017, as pessoas têm tido mais cuidado. Mesmo assim, na noite de S. João há muitos balões pelo ar, e toda a gente é bem-vinda a juntar-se a um grupo de desconhecidos no meio da rua e ajudar a lançar o balão.

Como podem ver, é uma festa repleta de tradições, mas que toda a gente cumpre religiosamente todos os anos. À medida que a noite vai avançando é comum ver as pessoas a dirigirem-se para a Avenida dos Aliados e a Ponte D. Luís, de onde são lançados fogos de artifício à meia-noite. Aliás, por toda a cidade vê-se fogos de artifício, mas os maiores são no centro do Porto. Escusado é dizer que por esta hora já há muita gente bêbada, e de vez em quando lá se vê uma ambulância ou um carro da polícia, mas em geral o ambiente é descontraído e de festa, toda a gente se quer divertir. Não é uma festa onde as pessoas vão para as discotecas, é suposto estarem na rua – e normalmente está sempre bom tempo!

De resto, até de madrugada as pessoas bebem e dançam nos bailaricos. Também há concertos na Avenida dos Aliados. Neste dia é quase impossível arranjar um táxi ou Uber, as pessoas vão a pé ou de transportes públicos para casa. E a animação só acaba mesmo pelas 6 da manhã! No dia seguinte, claro, é um dia super sossegado em toda a cidade.

Se estão a visitar o Porto nesta altura do ano, não hesitem em juntar-se à festa! Garanto-vos que vão ter uma noite super divertida e perceber porque é que as “gentes do Norte” são as mais calorosas! Boas festas!


Comentários (0 comentários)


Queres ter o teu próprio blogue Erasmus?

Se estás a viver uma experiência no estrangeiro, és um viajante ávido ou queres dar a conhecer a cidade onde vives... cria o teu próprio blogue e partilha as tuas aventuras!


Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!