Advertise here

Paris, mon amour

Publicado por Maria Matos — há 5 meses

Blogue: Outras viagens
Etiquetas: Blogue Erasmus Paris, Paris, França

Em Novembro de 2016, uma das minhas melhores amigas estava a fazer Erasmus em Paris. Como nunca tinha visitado a cidade, foi uma ótima oportunidade para o fazer! Além disso, pude ficar na residência dessa minha amiga, o que foi uma grande ajuda para poupar dinheiro. Paris fez-me lembrar Nova Iorque, no sentido em que tem tantos locais icónicos que temos aquela sensação de conhecer a cidade, mesmo sem nunca termos estado lá. É uma das capitais mais visitadas do mundo, eternamente romântica e conhecida como a Cidade das Luzes. Hoje apresento-vos alguns dos sítios que visitei!

Paris, mon amour

#Torre Eiffel

Não acontece muitas vezes, mas quando vi a Torre Eiffel, confesso que fiquei emocionada! É um monumento tão icónico que a primeira vez que o vemos ficamos maravilhados. E a verdade é que a Torre Eiffel vê-se de diferentes pontos da cidade. Vi-a durante o dia, ao longe. À noite, vi de muito perto as luzes que a iluminam e a tornam ainda mais bonita na minha opinião (e romântica!). E num dos dias subi com as minhas amigas até ao cimo. Vale muito a pena pela subida em si (para observar a arquitetura de perto) e pela vista panorâmica sobre a cidade. Tirem muitas e muitas fotografias!

#Museu do Louvre

Um dos museus mais conhecidos do mundo, senão o mais visitado! Cenário de inúmeros filmes e séries. O museu está localizado no Palácio do Louvre, construído no final do século XII. A famosa estrutura em forma de triângulo é o cenário perfeito para uma fotografia. Para entrar no Museu há uma fila para passar pela segurança, mas anda rápido. Não me lembro se pagámos entrada, mas lembro-me da dimensão do museu! Para quem não sabe, é um museu subterrâneo! Mas parece uma cidade, com a quantidade de espaço e exposições. Mesmo estando cheio, não temos a sensação de estarmos sufocados no meio das pessoas. Menos no local onde está a pintura da Mona Lisa, onde tive um ataque de riso quando vi a multidão de pessoas com telemóveis a tirar selfies em frente à pintura. Ah, millennials! Nós não vimos as exposições todas pois são, de facto, bastantes. Mas é uma paragem obrigatória! E a zona à volta do Museu também é muito bonita, como o Jardim de Tuileries.

Paris, mon amour

#Catedral de Notre-Dame

Uma Catedral impressionante! Quando cheguei fiquei surpreendida pela altura, é deslumbrante! O estilo gótico confere-lhe um aspeto ainda mais bonito. Não entrámos na Catedral, mas deve valer a pena.

Paris, mon amour

#Arco do Triunfo

Decidimos subir ao famoso Arco do Triunfo e a vista vale a pena! Mas a subida é um pouco “puxada”, ou então era eu que estava fora de forma! Mas aconselho porque não só é um dos monumentos mais representativos de Paris, como permite uma vista muito bonita sobre a cidade.

#Champs-Élysées

Como estávamos perto do Natal, esta famosa avenida estava com um mercadinho de Natal, portanto não faltavam barracas, comida e luzes de Natal! A avenida está cheia de lojas, restaurantes e em geral transmite uma ideia de luxo muito associada a Paris! Reparei que para entrar nas lojas as pessoas tinham que mostrar aos seguranças as mochilas e carteiras, penso que como consequência dos atentados. Aliás, vê-se muita polícia nas ruas da cidade!

#Basílica de Sacré Coeur

Um dos monumentos que mais gostei de Paris! A Basílica está localizada no topo do monte Martre, o ponto mais alto da cidade. Apesar da quantidade de turistas e vendedores que tentam vender os seus selfie-sticks, gostei mesmo deste local! Fui ao final do dia e lá em cima estava um ambiente tranquilo, um senhor tocava harpa (!) portanto a atmosfera era sossegada e a vista para a cidade muito bonita. Se querem um sítio bonito para ver o pôr-do-sol, recomendo!

#Museu de Orsay

Nunca é demais visitar museus em Paris, e este, para além da localização excelente (em frente ao rio Sena), tem algumas das obras mais conhecidas do mundo, desde Van Gogh e Redon. O relógio do átrio principal do museu também é muito bonito e lá dentro existe um café super agradável para uma pausa depois das exposições.

#Place de la Concorde

Situada no final dos Champs-Elysées. É uma das praças principais da cidade e no centro está o Obelisco de Luxor e duas fontes monumentais.

#Moulin Rouge

O cabaret mais famoso do mundo! Conhecido pelo moinho vermelho e palco de várias lendas e histórias. Ainda é possível ver espetáculos no seu interior, mas o preço não é muito amigável. A zona em volta do Moulin Rouge faz lembrar um bocado a Red Light District de Amsterdão. Um local que nos faz imaginar a Belle Époque. Paragem obrigatória!

#Jardim de Luxemburgo

Um jardim muito bonito no centro da cidade. Vale a pena sentarem-se numa das cadeiras junto ao lago e observarem o majestoso Palácio do Luxemburgo.

Paris, mon amour

#Marais

O eterno bairro “cool” de Paris. Lojas, restaurantes, bares, pubs... tudo é jovem, trendy e hipster neste bairro! Tem uma forte influência judaica e tornou-se também conhecida pelo público gay. É também um centro artístico, com várias galerias de arte e livrarias. O melhor é passear livremente pelas ruas, descobrir os segredos e observar as casas. Ainda não mencionei as casas, mas toda a arquitetura da cidade é magnífica, bem tratada e romântica!

#Centre Pompidou

Um complexo com uma arquitetura muito peculiar, adorada por uns e odiada por outros. Lá dentro encontra-se o Museu de Arte Moderna, a Biblioteca e o IRCAM. O edifício é um enorme contraste com os edifícios à sua volta, e é por essa razão que chama tanto a atenção. As filas para entrar são longas mas vale muito a pena. As exposições são espetaculares e a vista do último andar é igualmente bonita.

Paris, mon amour

#Grand Palais + Petit Palais

Dois monumentos muito conhecidos, não entrei em nenhum deles mas adorei a arquitetura! Em Paris todos os monumentos são grandiosos! Um dos desfiles mais recentes da CHANEL foi feito no interior do Grand Palais!

#Pont Neuf 

Numa das noites eu e as minhas amigas fomos a uma festa Erasmus num barco. Foi uma ótima oportunidade para ver Paris de uma perspetiva diferente. Passámos pelas inúmeras pontes icónicas (toda a gente gritava cada vez que o barco passada por baixo de uma ponte!) e a festa foi super divertida, com imensos estudantes internacionais. O barco ficou parado algum tempo mesmo em frente à Torre Eiffel, o que nos permitiu ver as luzes. Muito romântico!

#Bastille

Viemos para esta zona numa das noites e jantámos num restaurante ótimo, cujo nome não me recordo. Lembro-me que à volta existiam vários bares e é uma zona ótima para a vida noturna.

#Cité Internationale Universitaire de Paris

Como fui visitar a minha amiga, fiquei instalada na residência onde ela estava, que fica localizada na Cité Internationale Universitaire. Fiquei fascinada pela zona porque nunca andei numa faculdade que fosse inserida numa zona universitária, portanto não estou muito habituada ao “ambiente académico”. Este campus é enorme e cada residência é dedicada a um país. Nós ficamos na Residência Portugal, cuja arquitetura era a “pior” de todas, porque os restantes edifícios são lindos e fiquei com inveja dos estudantes que têm a sorte de lá ficar! O campus tem algumas faculdades, bibliotecas, um parque, muitos restaurantes e bares. É literalmente uma pequena cidade feita para os universitários. As condições da residência da minha amiga eram muito boas e eles organizavam festas e jantares regularmente. Adorei ter a oportunidade de conhecer um pouco da vida dos estudantes e acho que Paris deve ser uma ótima cidade para fazer Erasmus!

Paris, mon amour

#Bataclan

Enquanto passeava pelo bairro Marais, não resisti a espreitar um local que agora está rodeado de atmosfera sombria: o Bataclan. Os atentados tinham sido 1 ano antes, mas o Bataclan ainda permanece um local silencioso no meio da confusão do Marais. Alguns seguranças estavam à porta e no corredor lateral (onde há umas filmagens das pessoas a fugirem pelas janelas durante o atentado!) foram colocadas várias velas e fotografias em homenagem. Senti-me um bocado uma “intrusa” a espreitar o local, mas acho que é importante prestar homenagem a quem perdeu a vida nesse dia. Não sei como será o futuro do Bataclan, mas penso que ficará para sempre manchado pelos terríveis atentados.

#Galeries Lafayette

Shopping, shopping, shopping! Quem gosta de compras vai adorar as Galerias. Principalmente durante o Natal, a zona é super movimentada, tem as marcas mais conhecidas de moda, montras espetaculares e no seu interior há 10 andares de lojas. Não comprei nada mas vale muito a pena entrar, principalmente para observar a beleza dos vitrais!


Galeria de fotos


Comentários (0 comentários)


Queres ter o teu próprio blogue Erasmus?

Se estás a viver uma experiência no estrangeiro, és um viajante ávido ou queres dar a conhecer a cidade onde vives... cria o teu próprio blogue e partilha as tuas aventuras!

Queres ter o teu próprio blogue Erasmus?


Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!