Advertise here

26/10/17

Publicado por Catarina Serrano — um ano atrás

Blogue: Vida em Iasi
Etiquetas: Blogue Erasmus Iasi, Iasi, Romênia

A primeira aula da manhã são, basicamente, massagens e até dá gosto ir, pois chego lá e recebo massagens, vou chegar a Portugal com um cursoavançado nesta área, o objetivo é tratar pacientes que tenham algum membro lesionado ou imóvel, mas para mim serve para quase me fazer adormecer, enquanto a Carolina me massaja a mão. Esta aula é a preparação para o tormento que vem a seguir, a aula com o coordenador, serve para eu ficar relaxada para aquela aula inútil.

Eram 9h57 minutos, olho à volta e não vejo nenhuma das caras habituais à porta da sala, às 10 horas levantei-me, fui à sala tentar abrir a porta e estava trancada, pensei que talvez tivessem trocado a sala então fui à secretaria, obtive a informação de que não havia aula e aquele inútil não me avisou de nada, a Carolina acha que ele fez de propósito, como não fomos à aula passada, não nos enviou um mail a dizer que não iria haver hoje, ainda por cima precisava dele para me assinar uns documentos para enviar para a minha faculdade em Portugal, mais vale forjar a assinatura dele, porque se ficar à espera, se calhar no 2º semestre ele assina, por isso já a comecei a praticar.

261017-cc95afaabb07563705771988cc48f6ba.

Quinta-feira é o dia em que tenho mais aulas, à tarde teria outra, essa aula abordaria os fundamentos da Fisioterapia e o professor tem sempre em atenção colocar um aluno ao meu lado a traduzir tudo o que é dito em romeno, costuma ser sempre o mesmo e enerva-me uma coisa, é que tem o hábito de falar a dois centimetros da minha cara, eu afasto-me e ele aproxima-se, um dia ia caindo da bola de pilates, sim, porque aquela sala não tem cadeiras para os alunos se sentarem, em vez disso temos bolas de pilates, o problemas ainda maior é que o hálito dele não é o mais agradável, existe a lei de que quanto pior o hálito da pessoa for, mais ela irá se apróximar da minha cara para falar.

A Carolina diz que ele parece o Mr Bean, antes da aula começar ela esteve a mostrar-me fotos do Mr Bean e a dizer que as expressões faciais que ele fazia eram iguais às do meu colega. Realmente era parecido, o pior foi quando cheguei à aula, ele começou a falar para mim e eu só conseguia visualizar o Mr Bean, deu-me um ataque de riso tão grande, a Carolina olhava para mim e ria-se também, assim como o sósia do Mr Bean também se estava a rir, por causa do meu "riso engraçado", segundo ele. Tive que passar a aula toda a evitar olhar para ele, porque cada vez que o fazia lá vinha o riso de hiena histérica, as lágrimas vinham-me aos olhos de tanto rir.

261017-c5a4ceacf035e923a88bb283408c2b70.

(http://cultmagazine.com.br/wp-content/uploads/2013/06/mr-bean.jpg)

261017-5797f1a38f0eb78b2308c17d7df266e4.

(https://static.omelete.uol.com.br/media/extras/conteudos/bean3.jpg)

261017-65814961e1cb5ce07d31be77b3f1fcff.

(https://i1.wp.com/stocknewsusa.com/wp-content/uploads/2017/01/000042c3_big.jpg?fit=1000%2C808&ssl=1)

261017-6d792422f62dda3695256d8e3be9e062.

(http://metropolitanafm.com.br/wp-content/uploads/2015/12/mr-bean.jpg)

A aula acabou e caminhei até ao ginásio, todo o caminho que percorri foi feito a tentar sobreviver aos ataques intestinais das pombas, devem ter-me marcado como alvo neste dia, pois não paravam de bombardear na minha direção, por sorte foram todos ao lado, terão que se esforçar mais para a próxima.


Galeria de fotos


Comentários (0 comentários)


Queres ter o teu próprio blogue Erasmus?

Se estás a viver uma experiência no estrangeiro, és um viajante ávido ou queres dar a conhecer a cidade onde vives... cria o teu próprio blogue e partilha as tuas aventuras!


Você ainda não tem uma conta? Regista-te.

Espera um momento, por favor

A dar à manivela!