Á Descoberta de Espanha

Published by Ana Pinto — one year ago

0 Tags: Experiências Erasmus Vigo, Vigo, Espanha


Por que escolheste fazer Erasmus em Vigo, Espanha?

Vigo não foi sempre a minha primeira opção. Primeiro pensei ir para Maribor, na Eslovénia mas como iria completamente sozinha confesso que fiquei com receio de não me conseguir adaptar. Então, a minha segunda escolha recaiu sobre Vigo. Perto, a língua relativamente acessível e os costumes não muito diferentes. Ou assim eu pensava.
Apesar de todos os que me dizem que Vigo e já ali ao virar da esquina, desenganem-se. A minha experiência Erasmus foi tão boa ou até melhor que muitos que viajam para o outro lado da Europa.

 Quanto tempo dura a bolsa? Quanto dinheiro recebes como ajuda?

A minha bolsa foi atribuída para cinco meses que seria o tempo que ficaria lá. O valor da bolsa foi pouco superior a mil euros e no fim, quando voltei a Portugal ainda me deram mais duzentos euros.

Confesso que para Espanha esta ajuda é um pouco abaixo do nível de vida normal no país. Viver em Espanha sai caro mas também depende muito das escolhas que fazemos. No meu caso chegou-me para pagar o alojamento, transportes e ajudava um pouco na comida. Digamos que ajudou em setenta por cento (70%) dos custos totais.

 Como é o ambiente estudantil em Vigo?

Bem, os alunos Erasmus são integrados nas turmas normais da sua Faculdade. Não há turmas apenas para Erasmus. As aulas são dadas em Castelhano ou por vezes em Galego mas há facilidade para os Erasmus.

Todos os Erasmus são integrados em aulas de Castelhano para que possam aprender mais sobre a cultura do país, costumes... São aulas muito dinâmicas e onde podemos conhecer os outros Erasmus. No meu caso foi onde fiz bons amigos.

Os horários são um pouco fora do normal pois Espanha parece ter um relógio só deles. As aulas só começam a partir das nove horas da manhã mas é muito normal só se conseguir almoçar às três horas da tarde. Espanhol almoça tarde e é um hábito que "primeiro se estranha e depois se entranha". E normalmente conseguem-se horários espectaculares onde nunca há aulas à sexta-feira (é mesmo muito raro). E, como as melhores festas começam às quintas-feiras, é "party all night long" sempre!

 Recomendarias a cidade e a Universidade de Vigo a outros estudantes?

Sem dúvida, a universidade tem muito boas condições, o gabinete de Erasmus (ORI) é bastante acessível, ajudam com o alojamento e com toda a burocracia. Têm um gabinete do Erasmus Student Network (ESN) que ajuda os alunos Erasmus a conhecerem-se entre si, organiza passeios para conhecer Espanha, organiza e patrocina festas e eventos para os Erasmus. Rara e a semana em que vais não conseguir ir a alguma festa ou actividade.

O único senão é que o campus da Universidade de Vigo fica bastante longe do centro de Vigo (uns vinte minutos ou mais de autocarro) mas os transportes são pontuais e tudo está muito bem organizado para chegar à Universidade.

 Que tal é a comida do país?

A comida espanhola é óptima. Muito à base de alimentos como batatas, arroz, mas tudo muito bom e com valor nutritivo.

Comer à espanhola é uma aventura pois estes senhores têm comida para todos os gostos. E claro, são conhecidos pelas famosas TAPAS, que só existem lá. Por isso, quando chegarem não se esqueçam de ir a um café e ser um pouco espanhóis. Peçam uma “caña” (cerveja) e com ela virá um pratinho de tapas que pode ser desde tortilha, a ovos, chouriço e batatas fritas. É das melhores coisas que há.

 Como encontraste alojamento?

No meu caso fui até ao gabinete de Erasmus da Universidade de Vigo quando cheguei lá e eles deram-me uma série de endereços disponíveis. Liguei, marquei visita e fui visitar as casas. E foi só escolher a que mais me agradasse.

Fiquei alojada pertíssimo da estação de comboios de Vigo, ao lado de supermercados, da via principal da cidade, das lojas e, mais importante, dos bares. A localização era espectacular e o apartamento estava todo equipado com tudo do melhor. Era um T5, quartos partilhados, três casas de banho, uma sala de estar, uma sala para estudar e ainda uma sala para comer. Tinha dois frigoríficos, micro-ondas, máquina de lavar loiça e roupa, internet em toda a casa, televisão, tudo.

Como são os preços a nível de alojamento? E os preços em geral?

O preço por um quarto partilhado, durante quatro meses, no apartamento que escolhi foi de oitocentos euros (duzentos euros por mês com todas despesas incluídas), com trezentos euros de depósito, que te é devolvido no final da tua estadia (caso não partas nada no quarto).

Em Vigo a maioria dos estudantes Erasmus opta pela opção de viver num apartamento partilhado com outros Erasmus ou, às vezes, até mesmo com espanhóis pois residência só existe uma. Situada no campus da Universidade de Vigo, longe de tudo e onde é quase totalmente ocupada por alunos que vêm de outras partes de Espanha para estudar ali. Além de sair muito mais cara para os Erasmus não compensa porque ficamos afastados do verdadeiro espírito da cidade e das festas claro.

O preço dos transportes é conforme o que cada um anda. O passe de autocarro é carregado com dinheiro e depois no autocarro é descontado um valor de acordo com o que apanhamos. Por isso é um pouco difícil contabilizar o gasto porque num mês podemos gastar mais e noutro menos.

O preço da comida é semelhante a Portugal, apesar de os supermercados espanhóis fazerem muito mais promoções o que sempre facilita alguma poupança. Muitos têm também um serviço que nos leva as compras a casa, fazendo com que não tenhamos que carregar nem um saco até casa. E o serviço costuma ser gratuito e a entrega é feita a horas e no dia combinado sem qualquer falha.

Preços de roupa são semelhantes também. O cinema e outros espectáculos são relativamente baratos mas os filmes são sempre dobrados em espanhol. Há que salientar que Vigo é uma cidade onde se fazem muitos eventos e festas todo o ano. Há sempre qualquer coisa para ver ou fazer.

Como é a língua? Frequentas-te algum curso na Universidade?

A língua é um tema complicado. Em Vigo somos confrontados com um problema de idioma porque, como faz parte da região da Galicia, falam dois idiomas: o castelhano e o galego. Normalmente as pessoas falam castelhano mas é possível que algumas aulas sejam leccionadas em galego e, ainda é uma diferença grande do castelhano para o galego. Há um curso de "Espanhol Para Estrangeiros", totalmente grátis, que o ORI (Gabinete Erasmus da Universidade) oferece e que nos ajuda a aprender as bases do castelhano. Há ainda também cursos de idioma e cultura galega para quem quiser. Senti que nesta parte era onde os erasmus mais sentiam dificuldades porque aprendiam o castelhano mas depois algumas aulas eram leccionadas em galego e eles não entendiam nada.

Para quem é português a língua é muito fácil de aprender. Para outras nacionalidades pode ser uma dor de cabeça. Mas todos chegam ao fim a saber falar o mínimo de Espanhol. Nem que seja só o chamado Espanhol de desenrasque.

No entanto falar inglês são é grande opção para os estrangeiros porque além de falarem muito mal os Espanhóis odeiam falar ou ouvir coisas em inglês. Fora isso, são muito simpáticos e prestáveis e estão sempre prontos a ensinar a sua língua. Ninguém sai de Espanha sem saber nada, nem os chineses!

Qual é a forma mais económica de chegar a Vigo a partir da tua cidade?

A partir do Porto, há várias maneiras de chegar a Vigo. Se optarmos pelo carro demoramos cerca de uma hora e meia ou duas horas a chegar e o custo depende da gasolina. Se optarmos por autocarro, pela companhia Autna, o bilhete sai a onze euros para estudantes e demora-se o mesmo tempo que de carro. Por último, há também a opção de ir de comboio. Custa dez euros mas demora três horas.

Fiz a viagem Porto-Vigo e Vigo-Porto das três maneiras e qualquer uma delas é aconselhável.

Que sítios recomendas para sair à noite em Vigo?

Todos os Erasmus frequentam os mesmos locais e como são muitos enchem muitas vezes as discotecas em Vigo, que já estão habituadas. Há diversos tipos de discotecas e bares por Vigo.

Vigo tem três zonas básicas para sair à noite:

1) Casco Viejo - é a zona antiga e histórica da cidade, onde tem muitos bares baratos e animação pela noite, fica um pouco desviado mas é uma zona engraçada.

2) Zona do Porto - zona náutica onde ficam situados as discotecas e bares um pouco mais caros que nas outras zonas. É uma zona mais chic.

3) Churruca - são duas ruas situadas no centro da cidade onde podemos encontrar imensos bares e discotecas onde não se paga entrada ou, se pagar é um ou dois euros. Normalmente é onde todos os erasmus vão. São as ruas mais animadas de Vigo. Há ainda o apartamento mítico que organiza festas temáticas quase todas as semanas, chamado "Urzais nº1" que fica muito perto da Churruca. Se fores de erasmus para Vigo, pelo menos uma vez irás a este apartamento.

Normalmente a semana começa a bombar à quarta-feira, dia onde quase sempre é organizado pelo Erasmus Student Network (ESN) de Vigo um evento chamado “Chat & Beer”. É escolhido um bar diferente todas as semanas que faz preços especiais para os que aparecem e o objectivo é podermos conhecer os outros Erasmus. Quem quiser sair depois para continuar a noite tem alguns bares abertos na “Calle Churruca” mas normalmente não têm muita gente a não ser os Erasmus.

A quinta-feira sim, é o dia dos Erasmus e do inicio das festas. Uma coisa tem que ser dita, em Vigo o fim de semana é todo de festa e os bares são sempre os mesmos mas, a grande diferença é que em Espanha só se sai de casa a partir das duas, três da manhã. É tradição convidar os amigos para virem a nossa casa, beberem, conversarem e quando já estiverem “no ponto” é que se sai. E só em ocasiões especiais é que se paga para entrar nos bares, ou seja, numa noite é mais que normal ir a três e quatro bares.

Bares mais conhecidos:

1 – Viva Zapata, tem karaoke, shots a um euro, cocktails por dois ou três euros, os donos são muito simpáticos e vão por todas as músicas que vocês pedirem e deixar-vos fazer o que quiserem. Oferecem muitas vezes com as bebidas, pipocas e gomas.

2 – Boom Boom Room, passa música rock, actual e antiga, as bebidas são a preços de discoteca, o ambiente é bom. De dia abrem também quando há jogos de futebol.

3 – Huevo: fica na parte velha de Vigo, junto ao porto mas é o bar onde te vais perder nos shots. Há um menu de shots de tudo e mais alguma coisa e alguns que nunca viste e nunca iram esquecer se experimentarem.

4 – Mondo, a discoteca house, paga-se a partir das três horas da manhã, o valor varia conforme as noites mas nunca passa dos seis euros. As festas são sempre muito boas e só fecha às oito horas da manhã.

5 – Iguana, é um bar alternativo, decoração muito estranha e mórbida mas passa boa música.

Mas há muito mais e festa há sempre em todos eles.

E para comer em Vigo? Podes citar os teus sítios favoritos?

Como os preços são bastante elevados nos restaurantes, não frequentava regularmente nenhum, excepto o típico Mc Donalds. Mas há um sem fim de bares e restaurantes pela cidade que servem comida tipicamente espanhola.

E em termos de visitas culturais?

Não fiz nenhuma visita cultural com a faculdade nem com o Erasmus Student Network (ESN) mas é-nos proporcionado isso. Em termos culturais, Vigo não é a cidade indicada. Tem algumas zonas onde se podem admirar bonitas paisagens, a fronteira com Portugal, alguns museus mas nada de mais. O bom de Vigo é que pode ser o ponto de partida para poder conhecer Barcelona, Madrid, Valência, Salamanca, etc. O aeroporto de Vigo ou mesmo o de Santiago de Compostela viajam com companhias low cost e é relativamente fácil e barato chegar a outros pontos do país.

Visitar Santiago de Compostela é uma viagem quase obrigatória para quem não conhece. E há ainda imensas cidades espanholas que se podem visitar e conhecer. O ESN proporciona visitas a estes sítios.

Tens algum conselho que queiras dar a futuros estudantes em Vigo?

Aproveitem o tempo que estiverem em Erasmus porque depois vão ter muitas saudades de tudo. E, apesar do que possam dizer, que se és de Portugal, é muito perto e tal, não acreditem. Pode ser perto mas é muito diferente. Vivemos uma vida completamente diferente. Eu adorei a minha experiência erasmus e acreditem, se pudesse, voltava.


Share your Erasmus Experience in Vigo!

Fórum de estudantes Erasmus em Vigo, Vigo. Ponto de encontro para Erasmus e troca de informações.

Comments (0 comments)


Enter and start your Erasmus experience


If you are already registered

Login using Facebook

Log in with Facebook

You can also register without using Facebook, but we recommend you use Facebook to enjoy more the experience.